Lucimar do Carmo
De olho na Europa, Fabrício assinou contrato com o Stellar Group,
do empresário Márcio Bittencourt.

O zagueiro Paulo André, do Atlético, entrou mesmo na mira do Liverpool e será avaliado até o final do Campeonato Brasileiro pelo clube inglês. Como ele tem passaporte europeu, uma boa participação na competição deverá abrir negociações entre o campeão europeu e o Rubro-Negro para o defensor se transferir no ano que vem. Ontem, ele e o meia Fabrício assinaram um contrato de agenciamento com a empresa Stellar Group, que deverá facilitar a ida dos dois para o Velho Mundo.

?Está vindo um pessoal do Liverpool para ver o Paulo André. Depois de muito tempo estão falando num brasileiro no clube e isto é muito bom. O Paulo, inclusive, já conversou com o Rafa Benítez (técnico do clube inglês)?, revela Márcio Bittencourt, representante do Stellar Group. Esta empresa inglesa acabou de abrir escritório no Brasil e iniciou o processo de agenciamento de jogadores. Depois de acertar com Fabiano Oliveira e André Santos, do Flamengo, a mira se voltou para o próprio zagueiro atleticano e o meia Fabrício.

?A Stellar está focalizando jogadores comunitários e de bom nível como o Fabrício?, aponta Bittencourt. Fazem parte do catálogo dos ingleses mais de 400 jogadores, como Ashley Cole e Glenn Jonhsson, ambos da seleção inglesa. ?A idéia é fazer o que eles fazem na Inglaterra. Mas, como o Brasil é um país exportador, vamos tentar colocar esses jogadores na Europa?, destaca.

Como exemplo, ele antecipa a possibilidade de Fabrício ir para a Europa. ?O Lothar Mathaus está na seleção da Hungria e deve assumir um time na Alemanha. Se ele precisar de um meia de qualidade a gente oferece o Fabrício e faz esse meio-de-campo, facilitando as coisas?, explica. Esse clube pode ser o Borussia Mönchengladbach. A lesão do meia acabou atrapalhando uma negociação no mês passado.

Time

Enquanto isso, no CT do Caju o técnico Antônio Lopes comandou mais um treinamento e definiu a equipe. Como Lima foi vetado pelo departamento médico, Thiago Almeida está confirmado e o esquema será mesmo o tradicional 4-4-2. Hoje, o time faz um último trabalho em Curitiba antes da viagem para Porto Alegre, onde amanhã enfrenta o Internacional.

Conselho aprova contas e discute Arena

O conselho deliberativo do Atlético aprovou por unanimidade os balanços contábeis de 2003 e 2004. Além disso, a projeção para este ano é de que os números sejam bem melhores e mostrem um crescimento ainda maior do Rubro-Negro. A votação aconteceu na quinta-feira à noite na Arena da Baixada, numa reunião que também discutiu os rumos do clube para os próximos anos, além da conclusão da Arena e da reforma do CT do Caju.

De acordo com Atílio Melluso Filho, presidente do conselho fiscal, a expectativa para 2005 é das melhores. Ele afirmou aos conselheiros que a análise prévia do primeiro semestre deste ano aponta para um resultado melhor do que em 2004. Após essa análise, a demonstração dos números feita por auditores independentes e tiradas as dúvidas, o órgão deliberativo aprovou por completo as contas da atual gestão.

Arena

Pela primeira vez, o clube apresentou a seus associados os estudos iniciais para a conclusão do Estádio Joaquim Américo Guimarães. Segundo Mário Celso Petraglia, presidente do conselho deliberativo, são ?apenas os primeiros esboços? e que ainda há tempo para mudanças já que as obras só poderão ser iniciadas em janeiro de 2007. De qualquer forma, a Arena deverá ter capacidade para 40 mil lugares, além de um ginásio no terreno anexo.

Para tanto, o clube buscará no mercado os recursos necessários para concluir o estádio. ?Vamos buscar um financiamento de longo prazo para pagarmos em 10 ou 12 anos?, revelou Petraglia. O dirigente também revelou que as obras no CT do Caju estão sendo realizadas sem o comprometimento do capital de giro do clube.