Eduardo Carvalho
Pódio da F-Truck ontem no AIC.

Sob muita chuva, Luiz Carlos Zappellini (Volkswagen) conquistou sua primeira vitória na Fórmula Truck, etapa disputada ontem, no Autódromo Internacional de Curitiba, em Pinhais, na região metropolitana da capital. Na última volta, o catarinense de 44 anos ultrapassou o estreante Felipe Giaffone (Scania), que chegou em segundo seguido de Pedro Muffato (Scania), Beto Monteiro (Ford) e Roberval Andrade (Scania). Com o resultado, Wellington Cirino segue como líder, mesmo sem competir há três etapas.

"Antes de sair dos boxes, eu disse a todo mundo que se chovesse eu ia ganhar a corrida", disse Zappellini. "Só conheço dois caras que correm bem na chuva: Ayrton Senna e eu". O catarinense está na segunda temporada. "Corri de kart, de Stock Car na terra (uma categoria tradicional em Santa Catarina) e Stock Car Light. Depois resolvi andar de caminhão", lembra o piloto, que subiu dez posições com a vitória em Curitiba, agora com 28 pontos.

Sobre a ultrapassagem em Giaffone, na última volta, Zappellini disse: "Tinha óleo na pista e acho que o Giaffone não tinha visto. Esperei um pouco para ver se ele ia passar naquela região de novo, e aconteceu". Felipe concordou: "É, dei uma bobeada e o Zappellini levou a melhor".

Atrás de Cirino, com 69 pontos na classificação geral, estão Fabiano Britto, com 54, e Leandro Totti, com 53.