Divulgação
gravura211107.jpg

Mostra reúne cerca de 150 gravuras de artistas renomados.

A Galeria da Caixa recebe a partir de 28 de novembro a Exposição "A Gravura Brasileira na Coleção Mônica e George Kornis", com curadoria dos próprios colecionadores. Essa mostra, que acaba de ser exposta com sucesso no Rio de Janeiro, traça um painel da história da gravura brasileira, compreendendo um acervo reunido pelo casal ao longo de 30 anos.

O público curitibano poderá conferir cerca de 150 obras de expressivos artistas, entre os quais Carlos Oswald, Lasar Segall, Oswaldo Goeldi, Lívio Abramo, Iberê Camargo, Marcelo Grassmann, Fayga Ostrower, Anna Bella Geiger, Portinari, Di Cavalcanti, além dos artistas paranaenses Guido Viaro, Poty Lazarotto, Fernando Calderari, Uiara Bartira e Raul Cruz.

A Coleção Mônica e George Kornis constitui um dos mais importantes acervos particulares sobre a gravura brasileira, caracterizada por sua abrangência histórica, voltada especialmente para a gravura moderna a partir do século XX.

"Nossa coleção assumiu desde os anos 1980 o desafio de formar um acervo capaz de expressar tanto a diversidade e a qualidade da produção em gravura realizada no país quanto a importância de sua contribuição para uma visão ampliada de nossa história", destaca George Kornis.

A mostra "A Gravura Brasileira na Coleção Mônica e George Kornis", que tem entrada franca, foi selecionada pelo edital 2007 de ocupação dos espaços da Caixa Cultural.

Serviço:

"A Gravura Brasileira na Coleção Mônica e George Kornis". Abertura 27 de novembro, às 19h30. A exposição permanecerá aberta até 06/01/08, de terça à quinta, das 10 às 19 horas e sexta à domingo, das 10 às 21 horas . Entrada franca. A Galeria da Caixa fica na rua Conselheiro Laurindo, 280. Informações e visitas guiadas 2118-5114.