A banda curitibana lança, neste sábado (12), o novo EP. O disco, com quatro músicas, chamado de “Eu acho que vai chover”, vem para mostrar um novo lado da banda, com uma pegada diferente, mais sombria e reflexiva, em um tom de mudança de rumos, como sugere a própria divulgação do material.

O novo disco vem com uma fase mais pop, com a combinação do som alternativo dos anos 90 com o novo rock, feito para as pistas. Entre as músicas escolhidas para o EP, Anacrônica traz um cover de “Xixi nas estrelas”, com um refrão composto por Guilherme Arantes em parceria com Paulo Leminski.

Capa do novo EP. Foto: Divulgação.

“Eu acho que vai chover” foi produzido, gravado e mixado por Tomás Magno, exceto a faixa 4, produzida por Anacrônica e Tomás Magno e gravada por Gil Costa. O disco, que foi mixado no Sugar Cane Studio, em Londres, foi pré-produzido em São Paulo no estúdio “Praia bonita” e gravado em três estúdios, entre eles o conceituado Toca do Bandido, no Rio de Janeiro.

As músicas foram finalizadas graças a um financiamento colaborativo que atingiu 112% da meta e fez com que a banda arrecadasse mais de R$ 17 mil. A intenção da Anacrônica agora é mostrar que é possível ter apelo comercial e relevância artística, algo que o rock produzido no Brasil se ressente neste momento.

Como o título do trabalho sugere, as quatro músicas são menos ensolaradas. De acordo com o produtor, o resultado pode ser chamado de um “estranho perfeito”, mas que também pode ser definido como “assinatura”. “Não é todo mundo que consegue”, revela Tomás Magno.

Sandra Piola (voz), Bruno Sguissardi (guitarra e vocal), Marcelo “gordo” Bezerra (bateria) e Marcelinho França (baixo) se apresentam neste sábado (12), a partir das 17h30, no Beer Garden (Al. Presidente Taunay, 435).

O clipe da música “É Mentira” foi lançado nessa semana, veja abaixo: