R$ 15 mil era o valor cobrado por Andressa Urach por um programa de suas horas de sexo, em sua fase de prostituição. A informação foi divulgada pelo jornal inglês Daily Mail, que teve acesso a trechos do livro Morri para viver – Meu submundo de fama, drogas e prostituição, a biografia da apresentadora.

No trecho que vazou, ela conta detalhes da vida que levava. “Eu me tornei, infelizmente, uma das prostitutas mais desejadas e caras do Brasil. Aceitei fazer orgias só para ficar próxima de pessoas famosas, achando que elas me ajudariam a pular vários degraus na vida. Nada me impediu nos meus esforços de me tornar rica. Eu fiz tudo por fama e dinheiro”.

Em meio a tudo isso, a apresentadora postou, no Twitter, uma mensagem dizendo que poderia receber ameaças de morte após a publicação do livro, dando a entender que entregaria os nomes dos clientes famosos. Só que a mensagem foi apagada logo em seguida, após um puxão de orelha da editora…

Veja mais imagens de Andressa antes da sua mudança de vida!

Andressa antes da transformação em sua vida.

Paraná Online no Facebook