Após várias tentativas de melhorar a audiência do Vídeo Show, a TV Globo anunciou que o programa que mostra os bastidores e celebridades do canal deixa de existir a partir da próxima sexta-feira (11). A atração estava no ar há 35 anos e chegou a ser um dos principais programas da TV sob o comando de Miguel Falabella, e reportagens de Ciça Guimarães, no auge de sua história, na década de 1990.

A informação foi dada sem alardes pela emissora, em material distribuído para imprensa com a programação de janeiro. Confira a nota:

“A partir da próxima segunda-feira, dia 14, a ‘Sessão da Tarde’ passa a ir ao ar mais cedo, às 14h, com o fim do ‘Vídeo Show’. O programa que mostrou os bastidores das produções da Globo durante mais de 35 anos se despede do público nesta sexta-feira, dia 11. De 14 a 18 de janeiro, depois da ‘Sessão da Tarde’, o ‘Vale A Pena Ver de Novo’ exibe as emoções finais de ‘Belíssima’ em dobradinha com os primeiros capítulos de ‘Cordel Encantado’”.

Desde que Falabella deixou a atração, o programa teve altos e baixos e passou pelas mãos de diversos apresentadores, entre eles André Marques, e voltou a chamar a atenção quando teve na bancada o apresentador Otaviano Costa e a atriz Monica Iozzi. No entanto, o talento de Iozzi e os outros projetos pensados para a dupla os tiraram do Video Show, que ficou mais recentemente com os atores Joaquim Lopes e Sophia Abraão e chegou a ser apresentado até por ex-participantes do programa BBB. A partir dali o prestígio junto à audiência minguou.

Confira um pouco da história do Vídeo Show no blog A Fama é Sua no link abaixo!

O Vídeo Show antes das ex-BBBs