É grande o número de franceses, europeus e mesmo de brasileiros turistas ou que residem no exterior interessados nas peças de artesanato expostas no estande do Provopar Ação Social dentro do Carreau du Temple, em Paris, dentro das comemorações do Ano do Brasil na França.

?A procura só não é maior, principalmente por parte dos franceses, porque a exposição acontece numa das poucas regiões pobres de Paris?, afirma Lucia Arruda, presidente do Provopar.

Segundo ela, os franceses estão impressionados com o artesanato e a arte popular paranaense, lotando, não só a área do estande, mas o teatro e o palco principal, onde já se apresentaram a Orquestra Paranaense de Viola Caipira, o Grupo Fato e o conjunto Três no Choro. O filme ?As muitas faces de um só Paraná?, com legendas em francês, inglês, espanhol e português e que mostra imagens da história, formação e cultura paranaense, também agrada os visitantes do ?Espaço Paraná?.

Lucia Arruda informou que o Provopar levou para a França os trabalhos de cerca de 80 artesãos e artistas populares do Paraná. ?O nosso propósito foi de mostrar aos europeus que o nosso artesanato é culturalmente rico e diversificado, com a contribuição das mais variadas etnias. E estamos conseguindo, felizmente, alcançar esse objetivo.

O europeu está podendo ver que a tradição e a história que veio das mãos de italianos, portugueses, espanhóis, japoneses, árabes, poloneses, índios e negros, influenciaram sobremaneira o nosso Estado dando vida aos produtos artesanais?, disse.

O Provopar está expondo no Carreau du Temple peças de marchetaria, cestaria, cerâmica, palha de milho, violas, rabecas, tamancos, painéis, personagens e animais esculpidos em madeira e soldados ?cata-vento?. As peças foram selecionadas pelos curadores Ronaldo Barbosa e Evandro Sales, ambos do Ministério da Cultura.

?As peças mostram justamente a diversidade cultural existente no Paraná, que tem agradado o público europeu. A nossa expectativa é que todas as peças sejam vendidas?, concluiu Lucia Arruda.