Quem já não se perguntou, sem encontrar respostas convincentes, como os norte-americanos se tornaram tão ricos e prósperos, e nós, brasileiros, nem tão ricos, nem tão prósperos? Em Brasil e Estados Unidos: o que fez a diferença, Ricardo Lessa examina as correntes sociais, econômicas, políticas e estratégicas que determinaram o perfil de cada país, gerando um caminho de diferenças, mas também de encontros.

Apesar das semelhanças em suas bases, como territórios de grande porte e disponibilidade de matérias-primas, os Estados Unidos se firmaram no século XX como a nação mais poderosa do sistema internacional, enquanto o Brasil mantém-se como um país emergente. Os norte-americanos levam vantagem espaçosa em termos econômicos, militares e tecnológicos. Como explicar essa realidade? Que opções definiram o destino dessas duas nações?

Com capítulos curtos, tiradas divertidas e sem excesso de dados técnicos, Lessa vai respondendo a essas questões de forma dinâmica e esclarecedora, revelando ambições e conflitos econômico-sociais opostos e valores antagônicos. Em Brasil e Estados Unidos: o que fez a diferença visa a um público amplo, leigo, que procura uma fonte de consulta rápida para se informar um pouco mais sobre a realidade de dois países muito parecidos que percorreram caminhos tão diferentes.

E ainda lança uma luz otimista sobre o futuro do Brasil – para Lessa, é possível estruturar um país mais promissor para o povo brasileiro, uma nação que acompanhe as transformações mundiais, inserida na economia global: o segredo é olhar para nossas próprias raízes, representadas nos valores éticos e morais.

Ricardo Lessa é jornalista e já atuou nos principais veículos de imprensa nacional. Trabalha na Globonews e ganhou prêmios importantes, como o Embratel e o Icatu de Jornalismo Econômico. Tem outros quatro livros publicados.

Serviço
Brasil e Estados Unidos: o que faz a diferença, de Ricardo Lessa. Editora Record.
Preço: R$ 25,00.