No domingo (21), em conversa com Lumena no Big Brother Brasil 21, Karol Conká, que foi eliminada nesta terça-feira com a maior rejeição da história do programa, contou que já levou uma “garrafada na cara” de uma artista de rap, em Brasília. Nas redes sociais, internautas apontaram que a responsável pela suposta agressão teria sido Flora Matos.

“Ela jogou na minha cara. E eu não fiz nada. Me xingava no Twitter, fazia post, falsificava flyer. Desde o início da minha carreira ela me atazanou a vida. Pense num inferno. Eu vivi um inferno. E eu nunca falei nada. Nunca revidei os tuítes maldosos, ficava aqui, plena”, disse Karol.

No Twitter, Flora Matos disse inicialmente que não iria comentar o assunto, porque a rapper curitibana “mente demais”. Na sequência, ela ironizou as acusações: “Falsificação de flyer? Perseguição no Twitter? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.”

“Galera, faz o favor de ouvir meu disco e parem de ouvir as mentiras da Karol Conka”, escreveu em outro tuíte.

Segundo o jornal o Globo, a confusão relatada pela sister no BBB 21 teria acontecido em março de 2014, no Rap Festival, em Brasília. Após ambas se estranharem, Karol teria ficado na lateral do palco durante o show de Flora, o que ela teria visto como uma provocação.

“Imagina que o Lucas [Penteado] foi fazer um show, aí cola a Karol no canto do palco como se fosse a melhor amiga dele e fica lá”, afirmou Flora no Twitter sobre o desafeto da rapper dentro do BBB. Em outros tuítes, a cantora disse que Karol é ingrata e manipuladora. “Essa sim pode ser chamada de mau-caráter.”

Flora cresceu em Brasília, fazendo backing vocals para o pai, o músico Renato Matos. Com 14 anos, assistiu a um show dos Racionais. “Foi quando me envolvi com o rap”, disse ela à Folha, em reportagem publicada em 2009. Começou a frequentar as batalhas de rimas cariocas, onde não é comum a presença de mulheres, “mas cheguei a ganhar uma ou outra”.

Ela se destacou com o sucesso da música “Pretin”, que fez parte da trilha sonora de “Malhação – Sonhos” (2014-2015), novela que é reprisada atualmente na Globo. Com a canção, foi indicada ao prêmio “Hit do Ano” no VMB de 2011, na MTV. A rapper lançou em dezembro o álbum “Do Lado de Flora”.