As Bicicletas de Belleville.

O melhor filme de hoje é um desenho animado para adultos muito bem realizado, As Bicicletas de Belleville. A história é bem bolada. Sobre um menino órfão, Champion, que foi criado por sua avó, Madame Souza. Ele ganha uma bicicleta que vai mudar a vida dele. Trata-se de uma aventura épica onde o rapaz vai parar em Belleville, a sede da Mafia francesa. O traço dos artistas é de primeira qualidade, lembrando muito a arte de pintores holandeses da Renascença.

Um filme

desenho que fez sucesso na europa e que teve um orçamento de apenas 8 milhões de dólares. Recebeu 2 indicações ao Oscar e deveria ter vencido pelo menos de melhor canção. Muito bem produzido, merecia maior atenção do público. Outra estréia é Anjos da Noite, matança sobre lobisomens que durante séculos, evoluíram escondidos, distantes da cultura humana: os aristocráticos e sofisticados vampiros e os ferozes e brutais lycans (lobisomens). Para a humanidade, a existência desses clãs não passa de mito.

A atriz Kate Beckinsale (Escrito nas Estrelas, Pearl Harbor) e o ator Scott Speedman (A Face Oculta da Lei Dark Blue, e a série de TV Felicity) estrelam essa história de ação e morte, conspirações cruéis e amores proibidos. Violenta demais para adultos sérios.

Bem-Vindo À Selva é um filme sem graça e o Retorno do talentoso Ripley é decepcionante. Exceto talvez pela atuação do John Malkovich e algumas belas cenas externas européias. Mesmo assim, não possui o mesmo ímpeto do primeiro. Uma pena.