livro220405.jpg

Feliz daquele que tem um
livro como companheiro.

A tradição catalã de homens e mulheres trocarem flores e livros no 23 de abril, quando se comemora o Dia Mundial do Livro e dos Direitos do Autor (na data em que morreram, em 1616, os escritores Miguel de Cervantes e William Shakespeare) vai ganhar novos adeptos este ano no Brasil, onde ela já acontece desde 1996 por recomendação da Unesco. Em Belo Horizonte (MG), por exemplo, a Livraria Salamanca promove uma festa e a troca de livros e flores em parceria com o Centro Cultural Brasil Espanha. Em Ribeirão Preto (SP), onde a Festa do Livro completa 10 anos, a Fundação Palavra Mágica está organizando várias atividades, que começam hoje com um sarau na Livraria Atlas. Amanhã as livrarias da cidade e região vão oferecer, junto com a seção local da Associação Nacional de Livrarias (ANL), uma rosa vermelha para quem comprar um livro.

Outras cidades brasileiras também planejam comemorar de forma especial este ano – que é o Ano Ibero-americano da Leitura – o Dia Mundial do Livro e dos Direitos do Autor. O Estado do Rio Grande do Sul e a cidade do Rio de Janeiro, por exemplo, planejam eventos especiais para a data, que tem origem na Catalunha (onde desde 1930 existe uma tradição de homens e mulheres trocarem flores e livros nesse dia). No Rio Grande do Sul a Câmara Rio-Grandense do Livro promove até domingo (24), a 4.ª Semana do Livro para estimular a leitura e o contato com o livro e homenagear, com o Troféu Amigo do Livro, pessoas e entidades que se destacaram no ano anterior por ações de apoio à leitura.

A Câmara Rio-Grandense confere, ainda, em Porto Alegre (RS), o Prêmio Personalidade do Ano na área ao coordenador do Plano Nacional do Livro e Leitura, o Fome de Livro, Galeno Amorim. Já no Rio, a Nau Editora vai realizar uma promoção de livros com descontos junto com a Livraria Hartman, no Jardim Botânico, e com a locadora Video Estação, ao lado do cinema Estação, no Botafogo.

E o Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) presenteará com uma rosa e um cartão-postal todas as pessoas que forem à sua biblioteca amanhã.