Em busca do antigo espírito infantil, quando as crianças eram mais crianças e as brincadeiras eram uma fonte de inesgotável criatividade, Brincando na rua, novo trabalho do músico Carlos Todeschini, propõe que a criançada abra mão do videogame e entre no mundo real, contudo, sem deixar de se divertir. Com apoio da Lei de incentivo à Cultura, o CD será lançado hoje, em um espetáculo com a participação de oito músicos e da poeta e compositora Etel Frota, que narrará as histórias; a direção do evento fica a cargo de Orly Veras.

Brincando na rua é composto de canções e histórias sobre o modo como as crianças de antigamente brincavam e se divertiam abusando da criatividade. Na apresentação, as músicas serão interpretadas pelas crianças do Coral Bate Papo, que além de cantar atuarão como protagonistas das histórias narradas na obra. Segundo Todeschini, o CD é como se fosse uma viagem pela infância. ?Antigamente havia coisas boas e ruins, morávamos numa madeireira onde nossos pais trabalhavam, aos redores de um rio – as crianças brincavam normalmente, mas sempre havia o medo de que alguém caísse na água?, contou. O lado ?arteiro? das crianças, aquelas brincadeiras de que só elas sabiam, e mantinham em segredo, e as histórias de mistério sempre horripilantes, já não fazem parte dos jogos infantis de hoje em dia. Nessa antiga linha de diversão é que funciona o trabalho de Todeschini.

Gravado no Estúdio Clínica ProMusic, em dezembro passado, o CD é resultado de um projeto do Colégio Marista Santa Maria, que mantém o Coral Bate Papo, integrado por 30 alunos com idade de seis a 13 anos. O trabalho foi formado aos poucos, já que a idéia surgiu numa antiga encomenda que o músico recebeu há dez anos. As primeiras canções foram escritas para uma peça de teatro que retratava a infância. O efeito da experiência foi maior que o esperado e Todeschini continuou escrevendo até formar seu primeiro álbum. O pensamento na infância trouxe ao presente personagens, acontecimentos e histórias de garoto da sua comunidade. Segundo o músico, quase todos os personagens são reais e documentam brincadeiras como a cabra-cega, bola de meia, carrinho de madeira, bolinha de gude e outras. Para fechar sua participação em todas as etapas do projeto, as crianças também colaboraram na concepção da arte final do CD.

Serviço: Lançamento do CD Brincando na rua – Teatro do Colégio Marista Santa Maria, hoje, às 20h. A entrada é gratuita. Mais informações pelo telefone: (41) 3313-1500.