Desenvolver a oralidade das crianças. Isso é o que ensina o livro Práticas da oralidade na sala de aula, da escritora e mestre em Teoria Literária Cléo Busatto. Voltado principalmente para os professores, a nova obra literária aborda a questão de iniciar e potencializar o desenvolvimento da expressão oral das crianças.

De acordo com a autora, o trabalho surgiu de uma demanda dos próprios educadores. “As práticas descritas são utilizadas em oficinas que eu ministro para professores. Como eu diminui a quantidade destas oficinas, eles começaram a pedir que fosse publicado algo para poder levar essa experiência que eu tenho para a sala de aula”, conta.

Ela explica que o material se aproxima bastante daquilo que o escritor, filósofo, semiólogo e linguista italiano Umberto Eco fala sobre o leitor modelo. “Por trabalhar bastante com a comunicação, o objetivo é de criar sentidos para uma melhor compreensão de um texto, em que o este não só prevê como colaborador, mas também auxilia a ajudar a criar. Isso resulta na formação de um cidadão mais crítico, mais apto a exercer os seus direitos”, revela.

Para Busatto, as 40 atividades presentes em seu livro vão ajudar aos professores a trabalhar com crianças que estão nos primeiros anos escolares até os adolescentes do último ano do ensino fundamental. “São atividades que vão dos mais simples, como brincadeiras relacionadas ao nome, até aquelas mais elaboradas, como o uso da onomatopeia”.

A escritora revela ainda que os exercícios atiçam a curiosidade da criança. “O livro busca incentivar junto aos professores a utilizar bastante a narração e à leitura em voz alta das histórias em sala de aula. Isso vai fazer com que a criança se interessa pela leitura e, com as brincadeiras, ajuda a soltar a imaginação, incitando o seu desenvolvimento”, avalia.

O livro Práticas da oralidade na sala de aula pode ser encontrado nas livrarias do Chaim, Curitiba e Saraiva, além de sites especializados na internet. O livro tem 79 páginas e custa R$ 19.

Cléo em Curitiba

Hoje, Cléo Busatto estará em Curitiba para lançar outro livro, O florista e a gata, às 15h, na Livraria Bisbilhoteca (Rua Carlos de Carvalho, 1166). A obra foi um dos destaques do 12.º Salão do livro para crianças e jovens da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ), no Rio de Janeiro.