Em sua estreia como técnicas do The Voice Kids, Simone & Simaria já começaram emplacando uma campeã no reality show musical infantil, com a vitória de Eduarda Brasil, neste domingo (8). A adolescente paraibana, que nasceu em Cajazeiras e atualmente mora em São José de Piranhas, trouxe, desde a sua primeira apresentação, o charme do forró para o palco do programa e, assim, conquistou o público, disputando a final com Mariah Yohana, Neto Junqueira e Talita Cipriano.

Ainda comemorando a vitória, Eduarda diz que sua participação no programa ainda a ajudou a se conhecer melhor. “Aprendi a gostar mais de mim de uma maneira natural. Aprendi que milhares de pessoas gostam de mim sem ao menos me conhecer mais de perto. Aprendi que o que eu faço naquele palco realmente é amor”, disse.

A garota ainda não sabe o que fará com o prêmio, mas fato é que ela já não consegue mais andar pelas ruas de sua cidade sem ser reconhecida pelos moradores. Para ela, tem sido gratificante esse reconhecimento, considerado por ela como uma das coisas mais legais que aconteceu durante a sua participação no reality, junto com a possibilidade de “conhecer os técnicos”.

Trajetória de campeã

Eduarda começou a cantar aos cinco anos, por influência do pai e da tia que já faziam apresentações locais. E foi com eles que a vencedora começou profissionalmente, aos 12 anos. Nessa mesma época, ela venceu o primeiro festival dos quais participou. Mas seu talento vai além da voz: ela também toca violão e acordeom.

Durante o programa, ela mostrou a potência de sua voz – tão elogiada pelos técnicos – e animou a plateia e o público de casa com clássicos do seu ritmo preferido. Forró do Xenhenhem foi a música que escolheu para as Audições às Cegas e com a qual virou todas as cadeiras, optando pelo time Simone & Simaria. Na fase das batalhas, ao lado de Rayane Lima e Victória Andrade, cantou 126 cabides, hit das coleguinhas. Nos Shows ao Vivo, ela reforçou ainda mais suas raízes nordestinas, ao som de Baião, de Luiz Gonzaga, e Isso Aqui Tá Bom Demais, de Dominguinhos. Já na semifinal, considerada sua apresentação preferida, a forrozeira trouxe Feira de Magaio e depois voltou ao palco com os colegas Livia Bernarde e Luis Henrique Schultz para cantar Ciúme, da banda Ultraje a Rigor.

Na final, Eduarda Brasil abriu as apresentações com Frevo Mulher e escolheu para a última rodada sólo Lamento sertanejo, empolgando a plateia. Para fechar com chave de ouro e celebrar a vitória, a dona da voz do ano no The Voice Kids transbordou alegria no palco quando voltou à canção que a fez entrar no programa, Forró do Xenhenhém, a mesma das Audições às Cegas.

Saiba como está a vida de Wagner Barreto um ano após vencer o The Voice Kids