Divulgação

As apresentações acontecem de hoje até domingo no Teatro José Maria Santos

O Balé Teatro Guaíra está em nova temporada com a coreografia Caixa de Cores, de Luiz Fernando Bongiovanni. As apresentações acontecem de hoje até domingo no Teatro José Maria Santos. Este é um dos sucessos de repertório da Companhia, que se prepara para comemorar seus 40 anos.

O espetáculo trata da influência das cores em nossa vida e o que elas representam para cada indivíduo. O trabalho usa como base a física clássica, mais precisamente a teoria da cores de Newton.

A coreografia de Bongiovanni estreou em 10 de setembro de 2005. Tem música de Vivaldi/Mano Bap e Ricardo Iazzetta, especialmente composta para o Balé Teatro Guaíra. Os cenários e figurinos são assinados por Luiz Fernando Bongiovanni e Paulinho Maia.

De acordo com Bongiovanni, as cores são códigos que estão dentro de nós, “imbricados na construção das nossas próprias percepções. Mas as percepções sensoriais nem sempre correspondem à realidade das coisas. Por vezes o que vemos nos ilude”.

Caixa de Cores, acrescenta, fala sobre o que cada cor poderia ser. Da mesma forma que, para cada cultura existe uma diferença nos valores e uso das cores. “São convenções que criamos como o vestido branco da noiva; no funeral se veste preto. Enfim o uso de cores torna o processo de comunicação mais eficiente”, finaliza.

Serviço
Balé Teatro Guaíra em Caixa de Cores. Dias 9, 10 e 11 às 20h e 12 às 19h. Teatro José Maria Santos (R. 13 de Maio, 655), nos Ingressos: R$ 10.