Daiana Laia aparecerá hoje à tarde como a mais nova musa do Carnaval do Caldeirão do Huck. Com 22 anos e apenas dois como passista, a representante da Vila Isabel ganhou na final de Nayara Hellen (Beija-Flor) e não esperava bater vencer.

Ela conta que visitou a quadra da Vila pela primeira vez em janeiro de 2011, foi “descoberta’ e rapidamente já foi escolhida para representar a escola. “Caí de paraquedas. É coisa de Deus mesmo”, afirma ela, sobre sua “carreira meteórica’ e a consagração no concurso da Globo.

“A minha reação foi só chorar”, diz a estudante. “Minha profissão é enfermagem, o samba me completa”.

O mais surpreendente é que no dia da fase eliminatória, Daiana passou mal, ficou tonta, vomitou e chegou a tomar injeções para melhorar. “Tive uma crise de enxaqueca aguda porque fiquei três horas completamente pronta”.

O médico não queria me liberar, mas eu disse que se eu passasse mal no palco, eles poderiam me cortar na edição”, revela a passista que manda um recado para os marmanjos: “Estou à procura de um novo amor, com o coração azul e branco”.