Análises de DNA confirmaram que os restos mortais encontrados junto com o avião que caiu no domingo passado no norte do México pertencem à cantora Jenni Rivera, informou a Procuradoria de Justiça do esteado de Nuevo León.

O corpo da artista foi entregue nesta quinta-feira (13) para sua família. “A Procuradoria Geral de Justiça do Estado de Nuevo León informa que foram entregues aos seus familiares os restos de Dolores Janney Rivera Saavedra”, disse o órgão por meio de um comunicado.

A procuradoria afirmou que a identificação foi “sustentada por evidências científicas e o reconhecimento físico dos parentes da falecida, que compareceram perante as autoridades para realizar o trâmite correspondente”.

As autoridades estaduais anunciaram que também foram realizados exames de DNA nos outros seis passageiros que perderam a vida no domingo passado no acidente, ocorrido no povoado de Iturbide.

Os restos da cantora Jenni Rivera foram levados por seus parentes para o município de São Nicolás, onde seu corpo foi cremado. Suas cinzas foram depositadas em uma urna, que ficará em Los Angeles.