Uma das obras mais conhecidas de todo o mundo, O pequeno príncipe, de Antoine Saint-Exupéry, ganhou uma versão especial da Companhia de Teatro Baobá, de Curitiba.

O grupo apresenta essa releitura no espetáculo O sonho de voar, neste final de semana no auditório Poty Lazarotto do Museu Oscar Niemeyer. Foi o próprio elenco da peça que fez a adaptação da obra.

Renata Chemin de Oliveira, a produtora e uma das atrizes do espetáculo, conta que a companhia tinha a ideia de trabalhar com a linguagem dos palhaços artísticos franceses, chamados de clowns.

Do elenco, veio a ideia de trabalhar com O pequeno príncipe e estes dois elementos a obra e os clowns foram unidos para a formação do espetáculo. Inspirados, tudo aconteceu de maneira muito rápida.

Foram apenas três meses entre o início dos trabalhos e a estreia do espetáculo. “A peça é bem fiel a O pequeno príncipe. Nós fizemos a adaptação à linguagem dos clowns e incluímos narradores no espetáculo”, explica.

Ela conta que fazer a versão do texto não foi algo tão fácil, devido à riqueza de filosofia na obra. E como o foco é o público infantil – mas os adultos são muito bem recebidos -, era necessário explicar as situações expostas no livro.

“Cada frase tem o seu significado e a gente não queria tirar isto. Por isso a peça é bem explicativa. Os clowns também são exagerados e nós incluímos esse exagero na versão que fizemos”, comenta Renata.

A peça traz a história de uma rosa que acabou com a paz do planeta onde o Pequeno Príncipe vivia sozinho. Diante disto, ele entra em uma jornada cheia de personagens e simbolismos, até chegar à Terra. Ele conhece então o segredo do que realmente importa na vida.

O espetáculo estreou no início de outubro e a Companhia de Teatro Baobá, formada no início de 2010, já fez apresentações abertas ao públicos e sessões específicas para crianças carentes de escolas públicas de Curitiba e Região Metropolitana de Curitiba. São doze pessoas no elenco de O sonho de voar, com atores na faixa etária entre 18 e 25 anos. O Pequeno Príncipe é interpretado por um ator-mirim de 12 anos.

Serviço

Espetáculo O sonho de voar, da Companhia de Teatro Baobá, hoje e amanhã, às 15h30, no auditório Poty Lazarotto do Museu Oscar Niemeyer (Rua Marechal Hermes, 999, Centro Cívico). Ingressos a R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia entrada para crianças até 12 anos, espectadores com carteirinha do estudante e professores). Mais informações pelo www.twitter.com/ciabaoba.