Curitiba recebe, neste sábado (23), uma edição bem diferente de um festival que por si só já traz essa marca, o Happy Holi. Dessa vez, o evento, que mistura música eletrônica, pop e funk nacional com uma explosão de cores que contagiam a todos, chega com uma estrutura inédita montada no ParkShoppingBarigüi. A edição curitibana vem com o objetivo de comemorar os cinco anos do evento e promete agitar o público da capital paranaense com atrações de peso, explosões de cores e uma atmosfera única.

+Se liga nessa: Festival Coolritiba chega a quarta edição maior ainda e com novidades

Considerado o maior festival de música e cores do mundo, o Happy Holi nasceu na Europa em 2013 e já passou por vários países. Para a edição paranaenses, oito atrações já foram confirmadas, com destaque para o MC Fioti, responsável pelo sucesso internacional Bum Bum Tam Tam, e o DJ Tom, que vem conquistando o público de todo o país com sua mistura de música eletrônica, hip hop, trap, pop, funk, rap e rock.

Foto: Divulgação.
Foto: Divulgação.

Estreia com classe

Além destes nomes, também fazem parte da programação os Mc Jottapê, Chapeleiro, Malik Mustache, Chris Leão, Terribas e o trio Make U Sweat, que faz sua estreia no Happy Holi. “É a nossa primeira vez no festival e o mais legal é que essa primeira vez vai ser em Curitiba, porque é a terceira cidade que mais ouve nosso som nos aplicativos de música. Então vai ser muito legal fazer a estreia no evento, ainda mais sendo em Curitiba”, disse Guga Guizelini, um dos integrantes do grupo de DJs.

Com uma performance marcante e um setlist repleto de produções próprias, versões oficiais de músicas consagradas e diversas parcerias com artistas do cenário pop e eletrônico, o Make não para de crescer e conquistar espaço nas melhores baladas e festivais do Brasil e do mundo como representante único do Brazilian Pop House. “Essas versões, esse lado mais pop da música eletrônica, é uma porta de entrada. Muita gente que não conhece ou nunca teve interesse na música eletrônica como um todo fica sabendo, curte e se familiariza com o som a partir dessas versões. As pessoas começam a consumir música eletrônica a partir disso. É um pontapé inicial para que a gente consiga espaço com a maior quantidade de pessoas”, considerou Guga.

+Leia também: Carrossel do Passeio Público inaugura domingo: brincadeira vai ser de graça

Para o show em Curitiba, o Make U Sweat vai trazer um repertório que contempla o que tem de história do grupo, principalmente com essas versões. “Mas também um misto de tudo que já fizemos. Vai ser um show muito energético, dinâmico, com bastante coisa nossa. Tem muita coisa nova que fizemos para o Rock In Rio e que, provavelmente, vamos usar bastante nesse show”.

Cada vez mais espaço

Inspirado no festival indiano Holi, que se realiza anualmente na Primavera, o Happy Holi nasceu com a intenção de celebrar a união e a alegria de viver em meio a uma magia de cores. O ponto alto da festa são as “colorblast’s”, explosões de cores que acontecem a cada 45 minutos. É neste momento que o público presente lança ao alto um pó colorido, criando uma atmosfera única, em uma intensa comemoração da vida.

Para Guga, do Make U Sweat, a música eletrônica cada vez mais ganha espaço no Brasil e o Happy Holi é, também, uma forma de atingir novos públicos. “A música eletrônica no Brasil está em expansão, crescendo muito, mas também crescendo rápido. Lugares onde antes a gente não conseguia acessar, hoje em dia conseguimos observar cenas bem fortes, muito fortes. A gente percebe que em Curitiba, especificamente, as coisas são muito boas. A cena de música eletrônica sempre foi muito forte em Curitiba, e isso tem sido cada vez mais evidente”.

Foto: Divulgação.
Make U Sweat vai estrear no Festival Happy Holi de Curitiba. Foto: Divulgação.

Bora lá?

Em Curitiba, o Happy Holi já foi feito em outros lugares como o Museu Oscar Niemeyer, mas a edição deste ano vai ser no ParkShoppingBarigüi, que fica na Rua Prof. Pedro Viriato Parigot de Souza, 600, no Mossunguê. Programado para acontecer das 14h às 20h30, a ideia é que o sábado seja de muita música, mas também com a marca do festival, que são as cores e a alegria compartilhada. Os ingressos custam a partir de R$ 40 e estão disponíveis no site Sympla.

Conheça Lucas Paiva, cantor brasileiro que tem tudo para ganhar espaço nas playlists