A Record não deve mais subir o morro, pelo menos este ano. Com lançamentos programados para 2010, tanto o longa de “A Lei e o Crime” como a segunda temporada da série homônima foram adiados por tempo indeterminado na emissora.

O filme, que chegou a ter parte do elenco escalado, orçamento nas alturas e até a promessa de um astro hollywoodiano, segue estagnado no papel.

Já a nova temporada da série realmente foi empurrada para 2011. O principal motivo é a estreia de “Ribeirão do Tempo”, nova novela da Record. Além de parte do elenco, a série e o folhetim são do mesmo autor, Marcílio Moraes, que teria de dobrar a jornada – já puxada – de trabalho.