Evelyn (à direita) recebe as últimas
dicas de Joice antes de viajar.

Participar da comemoração dos 75 anos do Mickey, o famoso ratinho personagem do mundo de fantasia criado por Walt Disney, é um sonho que muitas crianças e jovens ao redor do Mundo gostariam de realizar. Mas, que tal estar lá, entre os anfitriões da festa, ajudando a manter a “casa” em que o simpático camundongo recebe milhões de visitantes? Pois é exatamente isso que a futura engenheira eletricista curitibana Evelyn Renata Moraes acaba de conseguir. Aos 19 anos, após rigoroso processo de seleção, ela foi escolhida para trabalhar durante 60 dias num dos parques temáticos de Disney, nos Estados Unidos. Vaga conquistada com muita dedicação aos estudos e o apoio do programa Bom Aluno, que há nove anos a vem preparando para desafios como este.

Na próxima segunda-feira, dia 1o de dezembro, Evelyn embarca em seu primeiro vôo internacional, para cumprir a última etapa do treinamento pré-estágio. “Devo ser escalada para o setor de manutenção de um dos parques. Estou super-entusiasmada e ansiosa para que o dia chegue logo”, conta. A experiência deve trazer muitas informações úteis à futura profissional, por trabalhar junto aos equipamentos eletro-mecânicos e eletrônicos que fizeram a fama do Mundo de Disney.

Estar tão próxima dos famosos personagens de Disney era algo que ela nem sonhava, antes de ingressar no Bom Aluno, programa que oferece a jovens estudiosos de baixa renda, selecionados entre os melhores alunos da rede pública de ensino, a possibilidade de desenvolver sua capacidade e habilidades. Criado há dez anos pelos empresários paranaenses Francisco Simeão e Luiz Bonacin, o programa já levou até a universidade 106 alunos, com a marca de 100% de aprovação nos vestibulares, formou oito profissionais e terá mais 23 graduados ainda neste final de ano e início de 2004.

O programa oferece bolsas de estudo, assistência psico-pedagógica, aulas de línguas, computação e reforço escolar. “Entrei no Bom Aluno em 1994, quando estava na 4a série da Escola Municipal Prefeito Omar Sabbag, no Cajuru. Com o apoio que recebi, pude me concentrar nos estudos e fazer um curso de inglês, fundamental na seleção para essa viagem de agora”, explica a aluna do 3o ano de Engenharia Elétrica na PUC. Ela é um belo exemplo para os jovens de seu bairro e da antiga escola, que, por coincidência, fica perto da Praça Walt Disney.

Nos últimos preparativos, Evelyn vem sendo orientada pela amiga Joice Bernardo de Melo, 21 anos, também do Bom Aluno e que fez o mesmo estágio no final de 2002. “Foi uma ótima experiência, porque treinei bem o meu inglês e conheci culturas diferentes. Eu trabalhei na área de limpeza e conservação do Animal Kingdom (Reino Animal), sempre em contato com os visitantes. Foi bem interessante porque convivi com pessoas do Mundo inteiro”, afirma Joice. As duas se conheceram no Bom Aluno há cerca de quatro anos. “Eu entrei no programa em 1995, quando estava na 7a série, e desde então minha vida mudou totalmente. Antes eu não via muitas perspectivas, mas, com o apoio e acompanhamento que tive, várias portas se abriram para mim”, conta Joice.

Uma de suas conquistas foi a aprovação nas faculdades de Economia, da UFPr, e de Administração, da FAE, que vai concluir em 2004. “O mais importante é que já percebi que terei boas oportunidades no mercado. O período em que trabalhei em Disney melhorou o meu currículo porque nas empresas daqui as pessoas sabem que aquele processo seletivo é bastante rigoroso. Além disso, ser integrante do Bom Aluno sempre causa uma ótima impressão. Percebi isso nas diversas entrevistas que fiz ao procurar estágios. Só não fiquei com as vagas porque, como faço duas faculdades, a carga horária atrapalharia meus estudos — e eles vêm em primeiro lugar”, conclui Joice.