Mãos ao alto, Curitiba! chega a cidade neste sábado e promete arrancar gargalhadas. A peça conta, de maneira bem humorada, uma história que aparentemente não tem começo, meio e fim.

Com Rosi Campos, Tadeu Di Pyetro, Adriane Alves, Nellise Minelle, Júlio César Moraez e Victor Coelho no elenco, a peça anima a platéia com o chamado estilo nonsense (sem sentido, em português), gênero do humor que exige o esquecimento da realidade e de coisas que fazem sentido. O humor é tratado de uma forma sem lógica, o mesmo utilizado no desenho Os Simpsons e no filme Corra que a polícia vem aí.

“A peça tem muita referência em grandes autores do cinema, como Woody Allen e Peter Sellers. É um humor diferente do que todos estão acostumados a assistir”, conta a atriz Rosi Campos, que interpreta, dentre outros personagens, a embriagada Reni, “uma tia chata que cuida de um filho marmanjo, de 29 anos, e que mora com Flora, personagem principal da peça”, conta.

A peça foi primeiramente escrita por Paulo Goulart, na década de 80, e encenada durante 20 anos. Recentemente, ganhou nova versão adaptada por Fernando Ceylão. “Fernando fez um brilhante trabalho em adaptar a peça para os dias atuais, ficou um trabalho incrível”, diz a atriz.

Ao todo, três histórias são apresentadas de forma não cronológica. “Nos três momentos se cruzam, os bandidos, a família e os policiais. Todos acabam retratando com muito humor seus problemas e histórias. No decorrer da apresentação as soluções mais loucas começam a revelar a ligação entre os três grupos”, explica a atriz.

Participam da peça os personagens Nélio e Manco, dois bandidos não muito profissionais, encarregados de buscar uma encomenda para seu chefe. Na outra parte, Saldanha e Rodrigues, dois policiais que estão a procura de uma mulher suspeita.

E por fim, os recém-separados Rafy e Flora, a embriagada Reni e seu filho Mariano e a apavorada empregada Oswaldina dão um toque familiar na história que aparentemente não tem ligação.

Serviço

Mãos ao alto, Curitiba! Sábado, às 21h, no Teatro Positivo (Rua Professor Viriato Parigot Souza, 5300). Os ingressos podem ser adquiridos na bilheteria do teatro e pelo Disk Ingresso, através do telefone (41)3315-0808, nos quiosques dos Shoppings Mueller e Curitiba pelo valor de R$ 30 (meia-entrada). Informações: (41) 3315-0000.