Luis Fernando Verissimo, 76, permanece internado em estado grave devido com um quadro de infecção generalizada. O escritor gaúcho está em tratamento no Hospital Moinhos de Vento, em Porto Alegre. Ele está sedado, respira com auxílio de aparelhos, mas responde bem aos procedimentos médicos, segundo boletim divulgado na tarde de hoje.

Segundo os médicos, Verissimo continua sedado, respirando com o auxílio de aparelhos e se submete a um tratamento de diálise (filtragem do sangue). A filha do escritor, Fernanda, afirmou que Verissimo havia apresentado sintomas semelhantes aos de uma gripe nos dias anteriores à internação.

O escritor foi internado na última quarta-feira. A equipe médica que atende Verissimo afirmou que o fato positivo é a resposta favorável em relação ao quadro que levou ao tratamento e que está sendo estudada a origem da infecção generalizada. O escritor continua respondendo favoravelmente ao tratamento.

De acordo com o comunicado, Verissimo ainda depende de ventilação mecânica e hemodiálise (filtragem do sangue). O escritor continua sob efeito de sedativos e vem apresentando um resposta clínica muito satisfatória às medidas instituídas.

O autor acaba de fazer uma viagem por Minas Gerais, onde participou de um festival literário em Araxá e de onde seguiu para o Rio. Não se sabe ainda, porém, se a causa do mal estar está relacionada à viagem. Os médicos submeteram o escritor a exames e aguardam os resultados.

Luis Fernando Verissimo é filho do romancista Erico Verissimo (1905-1975). O autor é conhecido por sua habilidade em usar o humor para retratar costumes e suas crônicas são publicadas em diferentes jornais do país. O gaúcho tem entre suas obras mais famosas “O Analista de Bagé”, “Comédias da Vida Privada” e a série de histórias em quadrinhos “As Cobras”.