Devido ao sucesso da temporada anterior, a Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos repete o projeto ?Cinema na Areia? no Litoral do Estado. A proposta é oferecer opções de lazer e cultura para aos veranistas e moradores das praias paranaenses com a exibição de filmes envolvendo o tema de meio ambiente.

?Assim como o ?Teatro na Areia?, o evento tem como objetivo incentivar discussões sobre meio ambiente entre os espectadores?, explicou o secretário do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Rasca Rodrigues. Segundo ele, os dois projetos são uma forma diferenciada de chamar a atenção dos veranistas e moradores para os problemas ambientais em cenário natural.

Rasca ainda informou que as sessões de cinema são realizadas uma vez por semana, em Guaratuba, Caiobá, Shangri-Lá, Ipanema e Antonina ? de terça-feira a domingo, às 21 horas, até o dia 11 de fevereiro.

As apresentações são realizadas na estrutura da Paraná Esporte, montada na areia dos balneários de Guaratuba, Caiobá, Shangri-la e Ipanema Em Antonina, o filme é exibido no Teatro Municipal. As sessões são abertas ao público.

Nesta semana, o filme exibido é ?A Marcha dos Pingüins?, documentário que mostra a vida dos pingüins-imperadores em meio ao deserto gelado da Antártica. Nesta sexta-feira (19), a sessão será em Shangri-lá. No sábado (20) o filme será exibido em Guaratuba e no domingo, em Caiobá.

Na próxima semana (de 23 a 28), o filme exibido será ?Era uma vez dois irmãos?, que conta a história de dois filhotes de tigre que são separados e trilham caminhos diferentes: enquanto um vai para o circo, o outro se torna o animal de estimação de um garoto.

A coordenadora do projeto no Instituto Ambiental do Paraná (IAP), Fátima Jacob, explicou que a idéia é oferecer ao veranista entretenimento aliado à educação ambiental. ?Esperamos que os filmes despertem a consciência da preservação do meio ambiente e que as orientações repassadas sejam praticadas pelo público em suas cidades de origem?, disse Fátima.

Para divulgação da programação do Cinema na Areia, a coordenação do projeto optou pela mídia limpa. ?São 12 pessoas que estão fazendo performances lúdicas nas praias e nas cidades chamando a população para comparecer ao teatro. Os perfomáticos, como são chamados, não entregavam um papel sequer e as crianças corriam até eles?, relatou Célia Carraro, que também faz parte da coordenação do projeto no IAP.

O IAP recomenda às famílias que levem cadeiras ou esteiras para acomodação na areia da praia.

Teatro

Além das apresentações de cinema, a Secretaria também promove o Teatro na Areia. Nesta semana, Fátima Jacob informou mudanças nas apresentações dos espetáculos. ?Serão realizadas às 21 horas, e não mais às 20h30. E também iremos apresentar duas peças de teatro por semana em cada um dos locais. Até então, estávamos apresentando apenas uma?, completou Fátima. As peças serão apresentadas uma após a outra.

Na próxima semana, alunos de escolas de Curitiba e Cambará ? com os espetáculos ?Culpa se Discute?, de Paulo Leminski; e ?O Show?, de Silvio Tavares, respectivamente – se apresentam nas areias do Litoral.

Os espetáculos serão realizados até 11 de fevereiro, às terças-feiras, em Antonina; quartas-feiras, em Morretes; quintas-feiras, em Shangri-Lá; sextas-feiras, em Ipanema; sábados, em Caiobá, e, aos domingos, em Guaratuba. Em Caiobá, Guaratuba, Shangri-Lá e Ipanema as apresentações acontecem nas tendas fixas da Paraná Esporte, já nos municípios de Antonina e Morretes as apresentações ocorrem nos teatros municipais.