O projeto Música nos Parques, da Prefeitura Municipal de Curitiba e administrado pela Fundação Cultural com apoio da TIM Celular, chega ao Parque Iguaçu hoje, com o Vocal Curitibôcas, às 11h, e Flor & Madeira, às 16h.

O grupo Curitibôcas, com 16 anos de trabalho, é regido pelo músico Dirceu Saggin e é formado por profissionais de diversas áreas que gostam de cantar. O grupo vocal apresentará ao público o show É com esse que eu vou, com uma hora de duração.

Já no período da tarde, quem assume o palco é o grupo Flor & Madeira. O grupo é formado por músicos que integram as Orquestras À Base de Sopro e de Corda do Conservatório de Música Popular Brasileira, a Orquestra Maria Faceira e alunos da Faculdade de Artes do Paraná. Formado por dois percussionistas, uma cantora e três instrumentistas de cordas, o grupo apresenta a diversidade musical do samba e do choro encontrados no Brasil. Os arranjos são criados pelo próprio grupo. No repertório, composições consagradas como Lamentos, de Pixinguinha, e Rosa morena, de Dorival Caymmi. O músico Palminor Rodrigues Ferreira, o Lápis, também será homenageado com a interpretação de músicas como Paticumbá e Silêncio.

O Música nos Parques é um programa que leva grupos musicais locais para apresentações nos parques da cidade, com entrada franca. O programa vai até março. O programa é financiado pelo Fundo Municipal da Cultura e selecionou os grupos por meio de edital.