O Mombojó retorna pela quinta vez a Curitiba para uma única apresentação no próximo dia 22 de novembro, no palco do Era Só O Que Faltava (Av. República Argentina, 1.334) às 22 horas. O sexteto liderado pelo vocalista Felipe S. mostrará o repertório do novo disco, Homem-Espuma (2006), primeiro por uma gravadora grande, a Trama. Faixas como ?O Mais Vendido?, ?Fatalmente? e ?Novo Prazer? despontam como candidatas a hit, mesmo sem abrir mão do experimentalismo que fez fama à banda. Do trabalho anterior, ?Nadadenovo?, os recifenses devem mostrar as poderosas ?Deixe-se Acreditar? e ?Cabidela?.

Além de Felipe, o grupo formado por Marcelo  Machado  (guitarra),  Chiquinho Moreira (teclado e sampler), Samuel  Vieira Dée  (baixo),  Vicente  Machado (bateria) e  Marcelo  Campello (cavaquinho, escaleta, trompete e violão de sete cordas) é um dos flagrantes casos de distorção de valores da música brasileira atual. Trata-se de uma das mais interessantes e criativas formações do rock brasileiro. A receita musical é muito rica e apostam na psicodelia lírica e sofisticação dos timbres e loops para elaborar seu som. Inclui samba, rock-de-refrão, lounge, funk, neobossa, MPB, surfmusic, clássico, entre outros. Eles procuram timbres clássicos e usam instrumentos vintage como o teclado Roland Alpha Juno, Wurlitzer e Mini Moog.

Com apenas dois discos lançados, o primeiro em dezembro de 2003 e o segundo em abril de 2006, o Mombojó já conquistou um espaço no cenário musical brasileiro de modo bastante despretencioso. Ao contrário, do que o grupo imaginava ao intitular o trabalho de estréia Nadadenovo, o disco chamou atenção pelo impacto sonoro e original. Desde sua formação em abril de 2001, o Mombojó teve seu trabalho reconhecido: conquistou o prêmio de Melhor Grupo Musical (Associação Paulista de Críticos de Arte-APCA) e foi indicado ao Prêmio Rival BR, na categoria Revelação.

Em 2003, o grupo foi contemplado com recursos do Sistema de Incentivo à Cultura da Prefeitura de Recife (PE) para produzir o primeiro disco: Nadadenovo. Gravado e mixado em Recife com produção musical de Igor Medeiros e Mad Mud (Leo D & William P), e masterizado em São Paulo (Classic Master), o álbum logo atraiu a atenção do público e da mídia. Ao completar três anos de formação em abril de 2004, o disco ganhou distribuição nacional como encarte da revista ?OutraCoisa?, do cantor Lobão, e atingiu uma das maiores vendagens da publicação.

O novo trabalho, Homem-Espuma, evidencia a evolução musical dos artistas, com sonoridades originais e inclusão de novos instrumentos, como trompete e trombone. O disco foi produzido por Lúcio Maia (guitarrista da Nação Zumbi) e Daniel Ganja Man.

A banda pernambucana alcançou ótima popularidade graças à rede mundial de computadores, numa experiência ímpar que aponta para uma nova estratégia de difusão de produtos fonográficos. Mesmo tendo seu mais recente disco, Homem Espuma, distribuído por lojas de todo o Brasil, o Mombojó continua disponibilizando gratuitamente o conteúdo completo do CD em seu site oficial (www.mombojo.com.br).

Serviço:
Mombojó (PE)
Local: Era Só o Que Faltava (Av. República Argentina, 1.334)
Data: 22.11.07 (Quinta)
Horário: 22 hrs
Ingressos: R$20,00 (100 primeiros). Após outro valor.
Ponto de Venda: no local.
Informações para o público: (41) 3342-0826