Fernanda Machado diz:
“Um receio gostoso”.

Depois de 11 anos fazendo teatro no Paraná, a atriz Fernanda Machado se prepara para interpretar seu primeiro papel na tevê. Ela viverá Sonya, filha do primeiro casamento de Andrei, personagem de Marcos Paulo em Começar de Novo. Sonya só deve aparecer na trama a partir do capítulo 35, o que está contribuindo para aumentar a ansiedade da atriz, que não se agüenta de curiosidade para saber o rumo que sua personagem irá tomar. “Nem sei direito a que núcleo ela vai pertencer”, instiga a atriz, de 23 anos. Ao que tudo indica, Sonya vai ser uma jovem independente, viajada e que mantém uma relação afetuosa com o pai, apesar de ter morado um bom tempo longe dele. “Estou fazendo o rascunho da Sonya”, revela. Para ajudar nesse processo, Fernanda está tendo aulas no Projac, nas quais ela ensaia cenas e discute as possibilidades de composição.

Como Sonya nasceu na Rússia, a construção da personagem também inclui o aprendizado de russo. Há um mês, Fernanda está tendo aula particular com uma professora russa que mora no Brasil há 31 anos. A atriz já sabe algumas palavras básicas como “bom dia” e “obrigado”, mas está achando muito difícil aprender o idioma, principalmente, por ser um outro alfabeto. “Nunca vou conseguir escrever em russo”, lamenta. Mesmo assim, Fernanda está aproveitando essas aulas muito mais para conhecer a cultura e a história da Rússia que para estudar a língua. “Também estou descobrindo quem é e como se comporta a mulher russa”, empolga-se. A possibilidade de tomar conhecimento de algo que nunca imaginou é um dos aspectos que mais fascina Fernanda na profissão de atriz. Na última peça que encenou em Curitiba, por exemplo, teve de aprender a tocar violino.

Mulher perfeita

Mesmo estando em processo de composição, Fernanda já está ciente de que, no decorrer da trama, Sonya vai passar por algumas “desventuras” amorosas. A moça é noiva de um inglês e, quando chega ao Brasil para ficar com o pai, conhece o “mulherengo” e interesseiro Carlos, vivido por Erik Marmo, e se envolve com ele. De início, Carlos quer dar o “golpe do baú” em Sonya, só que acaba se apaixonando por ela. Mas ela descobre as reais intenções dele, termina o romance e, a partir daí, começam as “idas e vindas” do casal. O primeiro teste que Fernanda fez para o papel já foi com Erik. “Acho que a idéia era ver como ficava o casal, se havia uma química”, supõe. Nesse teste, Fernanda concorreu com mais duas moças louras que, segundo a atriz, eram lindas e pareciam modelos. Quando as viu, Fernanda logo pensou que a personagem não se encaixava no seu perfil. “Eu não faço o tipo mulher perfeita”, pondera a atriz, que nunca trabalhou como modelo.

Mas Fernanda estava enganada e logo foi chamada para uma entrevista. Ao saber que seria com o ator e diretor Marcos Paulo, ficou muito nervosa. “Que medo!”, relembra a atriz, se referindo ao primeiro pensamento que veio à sua cabeça. Em seguida, Fernanda fez um segundo teste, desta vez um monólogo, e foi escolhida para o papel. A chegada de Fernanda à televisão, como ela mesma salienta, foi “sem querer”. Apesar de considerar a tevê um veículo importante para qualquer ator, seu sonho sempre foi fazer cinema. A atriz foi “descoberta” por um produtor de elenco da Globo que assistiu ao seu trabalho no teatro e a chamou para fazer uma Oficina de Atores na emissora. Em janeiro deste ano, chegou a fazer um teste para viver a Pequetita, de Cabocla. “Eles queriam alguém que aparentasse um pouco mais de idade do que eu”, justifica.

Apesar de ser novata na tevê, Fernanda já tem experiência prática e teórica como atriz. Ela atua desde os 12 anos e, há dois, se formou em Artes Cênicas. “Isso me dá tranqüilidade e me permite ter um receio gostoso”, avalia. Mas, como veio do teatro, Fernanda sabe que vai ter de se adaptar à linguagem televisiva, optando pelo estilo naturalista e renunciando aos gestos expansivos do teatro. “Sei que vou apanhar um pouquinho”, admite.