Quem estiver em Curitiba durante o feriadão desta semana poderá ver os ensaios abertos das duas novas coreografias do Balé Teatro Guaíra, Caixa de Cores e Verschwindend Kleine Welt (Pequeno Mundo). As apresentações serão no auditório Bento Munhoz da Rocha Netto (Guairão) no dia 10 às 20h30 e no dia 11 às 18h. Para estas apresentações a entrada será um quilo de alimento. Os novos trabalhos coreográficos de Luiz Fernando Bongiovanni e Felix Landerer entram em curta temporada de 16 a 18 de setembro.

Caixa de Cores coloca em cena a essência do trabalho do físico Isaac Newton, a divisão da luz em sete cores, reconhecidas pelo olho humano, mais o branco (a união de todas as cores) e o negro, como a ausência de cor. Por exemplo, o vermelho é a cor com a onda mais curta, com a troca mais rápida de fótons e elétrons. E o vermelho, como cor vibrante, está associada à pulsação, à paixão, ao ímpeto. Do outro lado do espectro está o violeta, com o comprimento de onda mais longo.

Já Felix Landerer trilhou os sentimentos que surgem quando uma pessoa perde a memória, seja por doença degenerativa, idade ou acidente. Com o nome de Verschwindend Kleine Welt (Pequeno Mundo), a coreografia criada para o Balé Teatro Guaíra dura 30 minutos e aborda o começo desse processo, quando as pessoas ainda têm lucidez sobre os fatos.

Serviço:
Balé Teatro Guaíra.
Auditório Bento Munhoz da Rocha Netto (Guairão).
Dia 10 às 20h30, dia 11 às 18h. Ingresso: um quilo de alimento.