O músico alagoano Wado e sua banda.

Foram vinte anos de caravanas musicais com o Projeto Pixinguinha, pelo Brasil afora, de 1977 em diante. E agora, depois de cinco anos de intervalo, está na estrada outra vez esse painel da música brasileira, que mostra a força singular e transformadora da MPB, empolgando o público, oferecendo espetáculos inéditos a preços populares. A Funarte, com o patrocínio da Petrobras e o apoio das secretarias de Cultura e fundações locais, levam a 31 cidades do País uma bateria de 93 shows que reúnem 144 artistas entre nomes consagrados e talentos que despontam.

Os elencos cada um com quatro artistas – privilegiam a diversidade de origens e a força das múltiplas linguagens que dão à MPB esse caráter único. Cada show recebe a costura saborosa de um diretor de renome, numa seleção também que abrange artistas de diversas regiões. Nas caravanas de setembro, nomes como Flavio Marinho (RJ) e João das Neves (MG) assinaram a direção dos espetáculos.

Neste 19 de outubro, chega a Curitiba uma caravana pós-tropicalista e contemporânea, que mistura e manda no palco do Canal da Música seus quatro artistas: o escultor de vento Carlos Malta, com seus saxofones e flautas, o inventor da a embolada dance; Totonho e os Cabra, a cantora maranhense Rita Ribeiro, uma grata revelação do fim dos anos 90 que já pisou os palcos do mundo e o alagoano Wado, multiinstrumentista que mescla pop e popular-regional fartamente elogiado.

Na direção, a gaúcha Irene Britzke, que vem de uma elogiada carreira, repleta de montagens de comédias (“adoro, e fiz muita coisa de Naum Alves de Souza”, diz), musicais e shows de artistas locais. “Juntar essa gente talentosa no palco está sendo uma maravilhosa experiência”.

Curitiba marca a despedida desta caravana que leva à mais rica troca de experiências artísticas no palco e com o público, que tem o prazer de assistir à magia da integração de muitos estilos e linguagens de diversas regiões do País.

Serviço:

Projeto Pixinguinha em Curitiba. Canal da Música – Rua Júlio Perneta, 695 Mercês, no dia 19 de outubro, às 20h30. Ingresso a 5 reais. Maiores informações no tel. (41) 331-7500.