O single PJL do rapper curitibano Bamia RZ já chega grande nas plataformas digitais. A música foi a vencedora de um concurso internacional, realizado este ano nos Estados Unidos.

Concorreram mais de 30 participantes do mundo todo. PJL fala sobre o drama dos deportados e dos presos injustiçados, que em sua grande maioria são negros e pobres. “Fiz esse som na intenção de demonstrar que essas pessoas tem voz aqui fora”, explica Bamia RZ.

O clipe foi gravado em Newark, no estado de New Jersey. Com violão suave e letra forte, PJL (Paz, Justiça e Liberdade) aborda temas como racismo, segregação e injustiça, além de valorizar a identidade negra.

Bamia RZ vem se destacando e inspirando jovens imigrantes de Newark, maior comunidade brasileira dos Estados Unidos. O rapper também lançou em maio o EP “Um Preto BR na Gringa” , que está disponível em todas as plataformas digitais.

Com 4 meses de lançamento, já conta com mais de 250 mil visualizações. BAMIA RZ começou a carreira musical em 2014. Logo assumiu posição de destaque sendo um dos criadores, em 2015, da Batalha do Museu do Olho em Curitiba. Já em 2016, morando nos Estados Unidos, idealizou a Batalha do RZ, que acontece em Newark.

Atualmente, é o grande responsável pelo desenvolvimento do HIP HOP dentro na comunidade brasileira da região se tornando inspiração para muitos jovens que ali moram.  

Veja o clipe: