A diferença foi praticamente minúscula, mas suficiente para a Unidos da Tijuca desbancar o Salgueiro e conquistar o tetracampeonato no Carnaval do Rio de Janeiro. Enquanto a primeira, obteve 299,4 de nota total, a segunda recebeu 299,3, somando-se todas as categorias. Desta forma, é a agremiação do bairro do Borel que vai comandar o Desfile das Campeãs do Grupo Especial neste sábado, trazendo de volta ao Sambódromo da Marquês de Sapucaí a magia de Ayrton Senna, com o enredo “Acelera, Tijuca!”. A escola rebaixada para o Grupo de Acesso foi a Império da Tijuca, com 291,6 pontos.

Mais uma vez, a Rainha de Bateria da escola, a atriz e ex-BBB Juliana Alves, deve brilhar, com sua fantasia toda coberta de cristais. A musa, inclusive, acompanhou a apuração, ontem, e até ajudou outros integrantes da agremiação a levantar o troféu de campeã. “Agora, não tem cansaço. Vou comemorar na quadra até de manhã. É uma emoção inenarrável”, comentou a Rainha, depois de saber o resultado.

Os grandes destaques da escola, no entanto, devem ser, novamente, o veículo levado à passarela para imitar o primeiro carro de Senna na Fórmula 1 e a Comissão de Frente da escola, que conquistou o público já no início do desfile, na terça. “Estamos atrás do penta.

Desde o começo, a gente tinha convicção de que ia ganhar”, disse o presidente da escola, Fernando Horta, ao UOL. Boa parte do sucesso da escola se deve ao trabalho do carnavalesco Paulo Barros. Também foi nas mãos dele que a agremiação conquistou seu último título, em 2012, com o enredo “O Dia em Que Toda a Realeza Desembarcou na Avenida para Coroar o Rei Luiz do Sertão”.