Estreia nesta segunda-feira (1º), na Globo, a série documental Viver do Riso, que já foi exibida recentemente no canal a cabo Viva, mas vai ganhar nova edição, com inserção de imagens de arquivo da emissora, para passar na TV aberta. Na produção, Ingrid Guimarães se encontra com os principais homes do humor da emissora para discutir o gênero na telinha. A série tem cinco episódios – um deles inteiramente dedicado a Chico Anysio – e vai ao ar ao longo de toda esta semana, sempre depois do Jornal da Globo.

+ Fique esperto! Perdeu as últimas notícias sobre segurança, esportes, celebridades e o resumo das novelas? Clique agora e se atualize com a Tribuna do Paraná!

“Eu tenho 25 anos de carreira e, sem dúvida, Viver do Riso é um dos meus projetos mais importantes. Fiquei dedicada a ele durante um ano inteiro, entrevistei 90 pessoas, foi uma experiência pessoal transformadora. Quero que seja um registro histórico e, daqui a 50 anos, mesmo que eu não esteja mais aqui, meus netos vejam como o humor foi importante para esse país”, diz Ingrid.

Além das entrevistas, programa também vai contar com imagens de arquivo da emissora. Foto: Divulgação/TV Globo
Além das entrevistas, programa também vai contar com imagens de arquivo da emissora. Foto: Divulgação/TV Globo

A inserção de imagens de arquivo ajuda a tornar o material ainda mais rico. “Essa é uma mudança incrível na nova versão do projeto, que faz muita diferença”, adianta Ingrid. “O acesso ao acervo foi muito impactante, deu um colorido e ajudou a enriquecer o conteúdo. Estamos acostumados a ouvir e usar as referências que temos na cabeça. É muito diferente ouvir e, na sequência, poder ver o esquete”, explica a supervisora artística Daniela Ocampo.

+Leia também: Supostas irregularidades em venda de ingressos de Sandy e Junior são investigadas

O episódio de estreia presta uma homenagem ao ícone Chico Anysio. “Temos uma entrevista comprida, rica e super pessoal da Ingrid com o Bruno Mazzeo, na qual ele conta detalhes de como o pai era em casa. Para quem está assistindo, a sensação é de estar na casa do Bruno, ouvindo ele contar histórias da família”, conta Daniela.

Programa conta com entrevista inédita de Bruno Mazzeo sobre o pai, Chico Anysio. Foto: Divulgação/TV Globo
Programa conta com entrevista inédita de Bruno Mazzeo sobre o pai, Chico Anysio. Foto: Divulgação/TV Globo

Amanhã, o destaque são as duplas de humor. “As duplas são um clássico da comédia. A maior dupla da nossa história foi formada por Oscarito e Grande Otelo, mas tivemos muitas outras. Fazendo as entrevistas desse episódio, me dei conta que eu e Heloisa Perissé formamos a primeira dupla feminina de comédia do Brasil. Ficamos 15 anos juntas e fizemos de tudo”, lembra Ingrid. Para quem não se lembra, as atrizes trabalharam juntas na série Sob Nova Direção, entre 2004 e 2007.

Na série, Ingrid relembra sua parceria com Heloisa Perissé (na foto, as duas estão junto com Mônica Martelli). Foto: Divulgação/TV Globo
Na série, Ingrid relembra sua parceria com Heloisa Perissé (na foto, as duas estão junto com Mônica Martelli). Foto: Divulgação/TV Globo

As mulheres no humor são tema do terceiro episódio da série, o preferido da apresentadora. O quarto fala sobre os limites no humor. O último episódio mostra como envelhecer no humor e presta uma homenagem a Jô Soares. “Todos os meus entrevistados citam o Jô como o maior exemplo de um comediante que soube envelhecer na frente das câmeras. É muito bonito de ver”, conta Ingrid.

O terceiro episódio é sobre as mulheres no humor e uma das convidadas é Tatá Werneck. Foto: Divulgação/TV Globo
O terceiro episódio é sobre as mulheres no humor e uma das convidadas é Tatá Werneck. Foto: Divulgação/TV Globo

Kaysar é apenas o terceiro ex-BBB a fazer novela; você lembra quem são os outros?