Equipes da Ação Integrada de Fiscalização Urbana (Aifu) realizaram vistorias em seis estabelecimentos comerciais (quatro bares e lanchonetes, um hotel e uma boate) em Maringá. Todos os locais foram notificados por irregularidades quanto à segurança e prevenção de incêndios e problemas de higiene. A ação foi realizada na noite da última sexta-feira e os dados foram divulgados nesta segunda-feira (15).

Houve 20 infrações anotadas pelo Ministério do Trabalho, dois encaminhamentos de adolescentes pelo Conselho Tutelar, uma notificação da Polícia Federal e três notificações do Procon. Um hotel foi interditado por estar funcionando de forma irregular e por desrespeito à legislação. Uma boate recebeu prazo para cumprir as orientações do Corpo de Bombeiros quanto à saída de emergência, que estava obstruída.

A Ação Integrada foi criada para atuar dentro de um contexto amplo de segurança pública, que atua para que a criminalidade seja evitada com ações preventivas. Os locais vistoriados foram estabelecimentos comerciais já denunciados e que reiteradamente são alvo de reclamações da população.

Integraram a Ação Integrada de Fiscalização Urbana nesta operação realizada em Maringá a Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Federal, Batalhão de Polícia Ambiental ? Força Verde, Corpo de Bombeiros e ainda o Procon, agentes de Vigilância Sanitária, Conselho Tutelar, Ministério do Trabalho, Ministério Público, Secretaria do Meio Ambiente, CREA, Centro de Referência da Criança e Adolescente e Secretaria de Desenvolvimento Urbano de Maringá.