Um caminhão carregado de óleo vegetal tombou no km 386 da Rodovia Régis Bittencourt na região de Miracatu, interior de São Paulo, por volta das 6h15 da manhã desta sexta-feira (30).

O trabalho de recolhimento da carga, que deixou a estrada lisa e perigosa, está sendo realizado com o uso de material absorvente.

O congestionamento – por volta das 11h da manhã – no sentido Curitiba-São Paulo era de 35 km e São Paulo-Curitiba era de aproximadamente 8 km. A Polícia Rodoviária Federal ainda não tem previsão de quando a pista será liberada. Os veículos estão passando por apenas uma das faixas.

A sugestão da PRF são as rotas alternativas. Um dos caminhos para quem sai da capital paranaense em direção ao estado paulista é ir pela própria Régis Bittencourt até Juquiá, na SP-079, uma serra que lembra a serra da graciosa. Por este  caminho, o motorista andará 100 km a mais e irá até o município de Piedade, da onde poderá escolher dois outros destinos: Votorantim ou Ibiúna.

Outra possibilidade é o desvio por Ponta Grossa, seguindo para Jaguariaiva, Sengés até chegar no estado de São Paulo pela cidade de Itararé, na SP-258, e depois em Itapeva. Neste percurso, o condutor irá percorrer 150 km a mais.

Uma outra alternativa seria ir por Bocaiúva do Sul, mas um acidente no km 82 – entre Tunas e Bocaiúva – envolvendo um caminhão de toras de madeira está dificultando o tráfego nesta região.

E a SP-055, que passa pelo litoral paulista, também já está bastante congestionada.

Os ônibus das viações Cometa e Itapemerim, que fazem o trecho Curitiba-São Paulo, estão operando normalmente, apesar da lentidão no trânsito por causa do acidente.