Com fim do motim na Penitenciária Estadual de Piraquara, (PEP) uma comissão especial de sindicância foi criada para apurar as responsabilidades e as circunstâncias em que os presos se rebelaram. Hoje, os integrantes da comissão, coordenada pela Promotoria de Investigação Criminal, (PIC), deram início às investigações. O secretário da Justiça e Cidadania, Aldo Parzinello, já afirmou que houve falha humana e que os responsáveis deverão ser punidos. (Leia mais na edição de amanhã do jornal O Estado do Paraná)