Brasília – A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) está discutindo com a sociedade, desde quinta-feira (4), o uso do Fator de Transferência X para diminuir o reajuste das tarifas de telefonia fixa a partir do ano que vem. Segundo o gerente-geral de Competição da Anatel, José Gonçalves Neto, o Fator X é uma regra que vai ser incluída nos contratos das empresas de telefonia fixa, para que elas compartilhem os lucros com os usuários, diminuindo o valor das tarifas.

"O Fator X é um redutor das tarifas telefônicas proporcional aos ganhos de eficiência das concessionárias, que são medidos com base no volume de serviços prestados, como telefones instalados e minutos usados. E também na quantidade de recursos empregados, pessoal, materiais, equipamentos. Assim, quanto maior a produtividade das empresas, maior será o ganho dividido entre elas e os usuários na forma de uma redução das tarifas", explicou José Gonçalves.

Ele ressaltou que é importante o cidadão conhecer as normas da Anatel para colaborar na audiência publica. Segundo Gonçalves, qualquer cidadão brasileiro pode dar sua contribuição a essa metodologia.

"É importante que o cidadão interessado em contribuir entenda o conteúdo da nossa norma, que está disponível para toda sociedade na pagina da Anatel", disse ele. Conhecendo a norma, será possível identificar pontos que eventualmente possam contribuir para melhorá-la e incluir no documento definitivo, acrescentou.

As contribuições, por meio de carta ou fax, podem ser enviadas à Anatel até o dia 11 deste mês. Pela internet, até o dia 15, no site www.anatel.gov.br.