Brasília – A Agência Nacional de Vigilância Sanitária publicou hoje no Diário Oficial da União resolução que proíbe a importação, o ingresso e a comercialização, em todo território nacional, de produtos e subprodutos derivados de aves procedentes de países com registro de infecção animal provocada pela gripe aviária.

Está proibida a importação de carcaças inteiras, cortes miúdos e produtos cárneos industrializados , ovos e gemas de ovos, penas e penugens para estofamentos. A inobservância ou descumprimento da resolução implicará em punições previstas na legislação sanitária federal.