Foto por: Claudio Santana

Milhares de chilenos deixaram tristes nesta segunda-feira as praças do centro de Santiago, onde assistiram ao jogo no qual sua seleção perdeu de 3-0 para o Brasil, resultado que os deixou fora da Copa do Mundo, apesar de se mostrarem satisfeitos com o desempenho da equipe na África do Sul.

“Espero a seleção com os braços abertos, porque nos deram grandes alegrias”, disse o presidente chileno Sebastián Piñera, que assistiu à partida com pescadores no porto de Valparaíso (120 km de Santiago), aplacando a tristeza da derrota com um prato à base de pescado e mariscos, segundo as emissoras locais.

“Os brasileiros nos venceram bem (…) morremos brigando”, disse Rubén Lobos, 21 anos, à AFP, enquanto caminhava pela rua com uma bandeira chilena amarrada ao pescoço.

“As mesmas falhas de sempre, apesar de termos atacado. Qualquer erro diante do Brasil e nos metiam um gol. Estamos contentes porque chegamos às oitavas de final”, completou Fernando Riquelme.

Na Plaza de la Constitución, em frente ao Palácio Presidencial de La Moneda, dezenas de pessoas que tinham chegado com bandeiras, camisetas da seleção e vuvuzelas, começaram a voltar a suas casas, inclusive antes do fim da partida.