O presidente Luiz Inácio Lula da Silva já chegou ao 20º Grupo de Artilharia de Campanha Leve do Exército, no município de Barueri na Grande São Paulo, após ficar mais de 40 minutos reunido numa sala privada do Aeroporto de Congonhas, na capital paulista, com o governador de São Paulo, Claudio Lembo (PFL).

No encontro, em que foram discutidas ações para o combate à onda de criminalidade no Estado de São Paulo, participaram, além de Lula e Lembo, os ministros da Defesa, Waldir Pires, e da Justiça Márcio Thomaz Bastos, o comandante-geral do Exército, general Francisco Albuquerque, e o comandante-geral da Polícia Militar do Estado de São Paulo, coronel Eliseu Eclair.

O secretário de Segurança Pública de São Paulo, Saulo de Castro Abreu Filho, que nesta semana deflagrou atrito com o governo federal, por conta da questão do apoio federal ao governo paulista no combate à criminalidade, não participou do encontro.

Em Barueri, Lula fará a revista à Guarda de Honra do 20º Grupo de Artilharia de Campanha Leve, participará da formatura do Comando Militar do Sudeste, visitará a oficina do projeto Soldado Cidadão, almoçará no local e, mais tarde, segue para o Rio de Janeiro.