ecoterra.jpgHá cerca de dois meses foi realizado em Curitiba no parque Jardim Botânico um estudo sobre a poluição sonora na região. O parque possui uma área total de 270.000m2, dos quais 40% correspondem a um remanescente de floresta de araucária.

Foram feitas medições do nível sonoro em 21 locais. Foi constatado que 90,5% dos pontos não estão de acordo com a lei municipal que permite um nível máximo de 55 decibéis para emissões sonoras em áreas verdes. A metade desta porcentagem foi calculada em 65 decibéis, acima do permitido e, de acordo com a medicina preventiva, o nível máximo que um cidadão pode se expor sem riscos à saúde.

O estudo foi realizado pelo Laboratório de Acústica Ambiental do Departamento de Engenharia Mecânica, da Universidade Federal do Paraná.

www.ecoterrabrasil.com.br