A tentativa de elevar a baixa produtividade leiteira da região do arenito fez a Emater, juntamente com Prefeitura e Associação de Produtores, repetir a estratégia anual de promover um certame do setor. O 3o Torneio Leiteiro de Astorga e Região, marcado para acontecer de 7 a 11 de setembro, no Complexo Esportivo, envolverá 17 produtores, com 30 animais das raças holandesa, jersey e mestiços, dos municípios de Iguaraçu, Jaguapitã, Pitangueiras e Astorga.

Na edição de 2003, Sebastião Lourusso, de Astorga, conquistou o troféu de campeão com a média de 52 litros/dia. Em 2004, o campeão foi Adriano Sala, com 45,75 litros/dia.

Segundo a zootecnista Solange Cristina Canesin de Oliveira, extensionista da Emater de Astorga e coordenadora geral do evento, ?o torneio quer estimular o aumento da média regional dos 400 produtores de leite que produzem em torno de 20 mil litros dia, duplicando os atuais 15 litros diários por vaca em lactação?, disse.

Isso é possível garante o médico-veterinário Paulo Tadathosi Hiroki, da Emater de Londrina e implementador do Projeto Vitória, criado em 1998 com a proposta de reduzir custos e aumentar a produção da pecuária leiteira do arenito. O projeto tem hoje 70 integrantes de 11 municípios, que produzem a média de 30 litros/dia. ?Os campeões das duas edições também são do projeto?, destaca Hiroki, ao lembrar que a região Norte não promove torneios desde a década de 90, embora o certame é prática usual da Emater na difusão de tecnologias, tanto na agricultura como na pecuária.

O Torneio Leiteiro de Astorga e Região terá início dia 7 (quarta-feira) às 18h. A partir desta data até a solenidade de premiação, dia 11, o local estará aberto para visitação pública, destinado em especial aos que querem conhecer o padrão tecnológico da produção leiteira difundido na região de solo arenito. A novidade desta 3a edição é o novo Troféu Qualidade Leite, a ser entregue ao produtor leiteiro que apresentar nas ordenhas a menor contagem de células somáticas, elevados teores de proteína, gordura e sólidos, sem contaminantes.