O Atlético se sagrou campeão metropolitano juvenil ao empatar com o Coritiba em 2×2 hoje à tardeno CT do Caju, quando poderia até perder por diferença mínima. A boa situação rubro-negra veio em virtude da melhor campanha nas fases anteriores e por ter ganho o jogo de ida no Couto Pereira por 3×2, na quinta-feira passada.

O Coxa entrou decidido a atacar e logo aos 4 minutos fez 1×0. Caíque cobrou uma falta da ponta-direita, a defesa contrária não conseguiu cortar e Renan entrou decidido para fazer 1×0 de cabeça.

Na etapa final, o Atlético veio mais determinado e empatou de cara. Emanoel recebeu lançamento longo na direita e cruzou para Stanlei encher o pé e estufar as redes, 1×1.

Aos 24 minutos, na pressão, o Coxa fez 2×1. Caíque chutou da meia-lua. A bola bateu na zaga e sobrou para Renan na meia esquerda acertar belo chute na meta rubro-negra, 2×1.

O gol deu mais vontade aos visitantes, que lançaram-se ao ataque. Mas Edvaldo saiu rápido em contra-ataque pegando a defesa desatenta. Na saída do goleiro ele tirou fácil e rolou para a meta vazia, 2×2, fechando assim o placar.

Atlético (campeão): Vinícius; Emanoel, Maicon, Robenval e Stanlei; Baiano, Samuel, Fernando e Evandro (Odilon); Anderson Aquino (Marcos Vinícius) e Edvaldo (Matheus). Técnico: Marcos Benato.

Coritiba (vice): Ricardo; Rafael, Marcelo, Henrique e Caíque; Carlos, Douglas Peruibe, Pi e Renan; Cleisson e Leandro. Técnico: Erwin Walter Aal Neto.