Cerca de 100 automóveis da marca Puma, de todos os modelos e anos de fabricação, deverão ser expostos pelos seus proprietários no grande encontro que está marcado parta os dias 9 e 10 deste mês na cidade de Florianópolis/SC, em comemoração aos 46 anos do início da fabricação desses veículos no Brasil. São aguardados automóveis oriundos de cidades tais como Rio de Janeiro, Brasília, Goiânia, Jundiaí, Sorocaba, Campinas, Cascavel, Foz do Iguaçu, sendo que, de Curitiba, onde existem cerca de 300, seguirão 25, cuja saída está marcada para às 7,30 horas do dia 9, tendo por local o pátio de estacionamento do restaurante Anjo Dourado, na avenida das Torres, divisa da capital paranaense com a vizinha cidade de São José dos Pinhais. A promoção do evento é do Puma Club do Brasil/Forianópolis, filiado ao Puma Club do Brasil/Curitiba, este fundado a 9 de maio de 2000, sendo o primeiro do país no gênero. Um dos automóveis mais raros da marca que será exposto é o Puma modelo AM-1 1988 teto rígido, motor tipo Boxer de 1.600cc refrigerado a ar, de propriedade do antigomobilista Ciro Marques, presidente do Puma Club de Curitiba. Este modelo, fabricado em Curitiba pela Alfa Metais Veículos, alcançou apenas 22 unidades, calculando-se que existam ainda no país só 8 exemplares. Como se recorda, foi em 1966 que a Puma Veículos e Motores começou a fabricar, em São Paulo /SP, o Puma GT, seguido de vários outros modelos de carros, sendo que, a empresa deixou de funcionar em 1984, produzindo nesse período 21.595 automóveis. Em 1986 a Puma foi adquirida pela Araucária Veículos, de Curitiba que, por sua vez, foi vendida ao empresário Níveo de Lima, em 1988, fundando então a Alfa Metais Veículos, que encerrou suas atividades em 2001. No total, foram fabricados cerca de 30.000 veículos Puma, parte dos quais exportados ao exterior.

Fato curioso é que, em 1987, o campeão mundial de box – norte-americano Cassius Clay/Muhammad Ali, esteve em Curitiba, com direito a passeio pela Boca Maldita, interessado em associar-se à fabricação de um Puma destinado ao mercado do Oriente Médio, o que não foi concretizado. Por outro lado, adianta Ciro Marques que, está sendo cogitada a presença, no evento, do estilista Anísio Campos que, em 1966, projetou a carroçaria do Puma. O evento acontecerá a partir das 9,00 horas do dia 9, sábado, na Mundocar – Mais – Shopping, às margens da rodovia BR-101, próximo à entrada de Florianópolis. Informações pelo fone (41) 9626-9626. Vale a pena conhecer essa história de mais uma tentativa de brasileiros fabricarem carros e que, lamentavelmente, deu em quase nada, como tantas outras. Nas fotos, recente encontro curitibano de Pumas e o citado AM-1 1988.