Representante oficial da marca alemã no País, a BMW Group Brasil promoveu, em São Paulo, uma “avant-premiére” do utilitário esportivo X1. O modelo, que será apresentado oficialmente no Salão de Frankfurt, na Alemanha, em setembro, chegará ao mercado brasileiro em janeiro de 2010.

O X1 caracteriza-se pelas lanternas traseiras em formato de “L”, teto panorâmico de vidro com rack de alumínio, rodas de liga leve de 18 polegadas e interior com bastante espaço, graças à distância entreeixos de 2,76 metros.

Ele mede 4,45 m de comprimento e possui capacidade para transportar até cinco pessoas. Seus bancos traseiros podem ser totalmente rebatidos, elevando sua capacidade de carga de 420 para 1.350 litros. O painel do modelo foi desenhado voltado para o motorista.

Pela montadora alemã o X1 é considerado um SAV (Sport Activity Vehicle ou veículo de atividade esportiva), e será comercializado no Brasil apenas com motor a gasolina de 2.8 litros, 6 cilindros em linha e tração integral xDrive. Esse motor desenvolve 261 cavalos de potência, a 6.600 rpm, e torque de 31,6 kgfm, disponível de 2.600 rpm a 3.000 rpm.

De acordo com a BMW, o SAV X1 modelo é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 6,8 segundos e alcançar a velocidade máxima de 205 km/h. Quando for lançado na Europa em setembro, logo após o Salão de Frankfurt, o X1 contará com outras opções de motorização, incluindo um bloco 1.8l a diesel com tração 4×2.

Os equipamentos de cada versão ainda estão sendo estudados, afirmou Dornbusch. Isso faz com que a marca ainda não tenha definido os preços do X1 para o mercado brasileiro.

O executivo apenas garantiu que o modelo se posicionará abaixo do X3, portanto, deve ser comercializado por menos de R$ 225 mil. A BMW afirma que o X1 não tem concorrentes em seu segmento, ressaltou J.H. Dornbusch.