Consagrado no mercado nacional por sua confiabilidade e excelente relação custo-benefício, o Honda Civic chega ao País na versão 2004 trazendo, em sintonia com o mercado global, a tecnologia e a qualidade aplicadas aos carros da marca fabricados em todo o mundo.

O design é uma das novidades do modelo, que está chegando às concessionárias este mês. A frente foi totalmente reestilizada. O capô ganhou um formato agressivo e vincos mais acentuados. Os pára-choques dianteiro e traseiro foram redesenhados e deixaram o carro mais robusto. A nova grade possui um desenho que destaca a esportividade e forma com a entrada de ar, e os novos faróis formam um conjunto moderno e atual.

Produzido na fábrica de Sumaré, no interior de São Paulo, o novo Honda Civic 2004 será comercializado em quatro versões (LX MT, LX AT, LXL AT e EX AT), com motor de 1.7 litro e 115 cv de potência (LX e LXL) ou de 130 cv (EX), este com a exclusiva tecnologia VTEC, e manterá as características que o marcaram como referência no mercado automotivo brasileiro, entre elas o conceito de automóvel completo de série, incluindo itens que ainda hoje são diferenciais, como o air bag duplo e o exclusivo assoalho traseiro plano.

Principais inovações

O design externo atual e arrojado, segue as tendências mundiais. A frente foi inteiramente redesenhada e transmite uma imagem de esportividade e força, além de favorecer o desempenho aerodinâmico. O capô recebeu vincos mais acentuados, que enfatizam a potência e a robustez, e a grade frontal ganhou o formato de asa, com uma barra única e o logo da marca centralizado.

O pára-lama foi reformulado para emoldurar o novo conjunto óptico, em formato trapezoidal, que incorpora a lanterna, os faróis alto e baixo e as luzes indicadoras de direção. Os faróis, agora com dois refletores, proporcionam maior eficiência na iluminação. O pára-choque dianteiro foi remodelado, está mais envolvente e recebeu novas entradas de ar, que compõem um visual arrojado e harmônico. Na traseira, o pára-choque foi rebaixado, recurso que contribuiu para dar um aspecto moderno e robusto e a sensação de baixo centro de gravidade. A cobertura da placa, antes cromada em todas as versões, passa a acompanhar a cor do veículo.

Na versão LX, o Honda Civic 2004 passa a contar com rodas de liga leve em novo desenho como item de série, substituindo as rodas de aço com calotas, o que confere um toque esportivo ao modelo. Valorizando ainda mais o interior, os tecidos dos bancos ganharam novas padronagens.

Oito cores estão disponíveis para o Honda Civic, das quais Grafite Magnesium (metálica) e Grafite Dark (perolizada) são novas para a versão 2004. As demais opções são: azul Adriático (perolizada), branco Taffeta (sólida), dourado Poente (metálica), prata Satin (metálica), preto Granada (perolizada) e verde Vermont (perolizada).

Ficha técnica

MOTOR

Modelo LX LXL EX

Alumínio 4 cilindros em linha

Cilindrada (1.7 litro)

Potência (cv x rpm) 115 x 6.100 115 x 6.100 130 x 6.300

Torque (Kgf.m x rpm) 15,2 x 4.500 15,2 x 4.500 15,8 x 4.800

Taxa de compressão 9,1:1 9,1:1 9,5:1

Cabeçote 16 válvulas SOHC SOHC SOHC/VTEC

Sistema de Injeção Multiponto: PGM-FI

Sistema de Ignição Eletrônica Mapeada

TRANSMISSÃO

Tração dianteira

Transmissão automática 4 velocidades ou transmissão manual 5 velocidades (somente no modelo LX)

CARROCERIA/SUSPENSÃO

Tipo monobloco

Suspensão: independente nas 4 rodas: dianteira McPherson e traseira Double Wishbone

Direção: pinhão e cremalheira com assistência hidráulica

Freios: dianteiro a disco ventilado/ traseiro a tambor

ABS c/ EBD (somente no modelo EX)

Rodas de liga leve R15″ x 6 – Pneus 185/65 R15″

Capacidade do tanque de combustível (50 litros)

Honda Civic, uma história de sucesso

Um dos maiores sucessos da marca em todo o mundo, desde que foi lançado, em 1972, o Honda Civic se transformou num dos modelos-chave da montadora. Recentemente, conquistou a marca de 15,5 milhões de unidades produzidas no mundo e é comercializado em 160 países.

Comercializado no Brasil desde 1992, o modelo, em sua sexta geração, começou a ser fabricado em Sumaré (SP) a partir de 1997, e criou um novo padrão no mercado automotivo, de carro completo de fábrica, pela extensa lista de itens de série, e de confiabilidade mecânica e durabilidade.

Além disso, a transmissão automática com o exclusivo “Grade Logic Control” desmitificou esse tipo de transmissão, tido até então pelo público como caro e suscetível a defeitos nos veículos nacionais da época. Por conta disso, a participação das versões automáticas na produção total da marca já supera os 50%.

Em 1999, o Honda Civic nacional foi atualizado e ficou com o design ainda mais harmonioso, graças ao novo conjunto óptico, além da grade dianteira, faróis e lanternas redesenhados e de maior dimensão. O Honda Civic da sétima geração, lançado em 2000, após ser totalmente reprojetado, encantou os consumidores e posicionou-se como um destaque da categoria dos sedãs médios.

Sempre seguindo as tendências mundiais, em 2003 o modelo ganhou lanternas traseiras com lentes que evidenciam os refletores e favorecem a luminosidade, enquanto a suspensão recebeu uma nova regulagem para beneficiar o conforto. O painel de instrumentos da versão EX ganhou novo design e novas cores de fundo.

Reflexo das atualizações constantes do modelo, que garantem sua grande aceitação no mercado, em agosto deste ano saiu da linha de montagem o Honda Civic nacional de n.º 100.000. Agora, a linha 2004 chega ao País de forma praticamente simultânea em relação a mercados como Japão, Estados Unidos, Canadá e Europa.