A feira norte-americana, que terminou no final de semana, não é tão badalada quanto a de Detroit, mas sempre exibe alguns lançamentos importantes. Pelo menos seis deles deverão aparecer no mercado brasileiro em breve, inclusive, com produção local, como é o caso do Versa reestilizado e do Honda HR-V, que apareceu no Japão sob o nome de Vezel.

Honda HR-V

A marca asiática deve apresentar um novo crossover compacto. Embora não tenha confirmado o nome do modelo, há rumores de que seja a versão norte-americana do Vezel. Por lá, o modelo será rebatizado de HR-V, numa associação direta ao crossover CR-V. O novo veículo deve contar com motor 1.5 litro, de 131 cv. No Brasil, o SUV compacto fará sua estreia em 2015, sendo produzido localmente na futura fábrica da marca que está sendo construída em Itirapina (SP).

Kia Carnival

A Kia Motors fará o lançamento mundial da nova minivan Carnival, que será capaz de transportar até oito passageiros e suas bagagens ao mesmo tempo e servir como uma proposta para os aventureiros. O novo estilo deve seguir o de lançamentos recentes como os novos Cerato e o Quoris, com destaque para a grade ‘boca de tigre’ cercada por faróis com luzes diurnas de LED. A sua vinda para cá ainda é uma incógnita, mas com a adesão recente da Kia ao programa Inovar Auto, as chances aumentaram.

Capô transparente

A atração da Land Rover ainda está longe de vir para o Brasil e a qualquer outro mercado, mas certamente será uma das novidades mais badaladas na feira americana. A marca irá apresentar uma tecnologia que permitirá ao condutor enxergar o que se passa embaixo da dianteira do carro. Usando a imagem de câmeras localizadas na grade dianteira do veículo, é possível deixar o ‘capô transparente’ com a projeção de imagens.

Nissan Versa

O sedã ganha um novo visual, que o deixa com ar de um Altima compacto. Essa será a aparência do modelo brasileiro, a ser produzido juntamente com o March na fábrica da Nissan, inaugurada na última segunda-feira em Resende (RJ). O modelo está com novos faróis, que cresceram para a lateral, mas a enorme grade frontal foi mantida. Os retrovisores trazem luzes de seta integradas. Na versão de topo, o carro recebeu rodas mais esportivas e para-choques levemente redesenhados. Na traseira, o destaque é o aerofólio, vindo do Altima. Sob o capô o mesmo motor 1.6 16V, de 111 cv, associado a um câmbio manual, automático ou com tecnologia CVT.

Ford Focus Sedan

Depois da reestilização do hatch aparecer no Salão de Genebra, no mês passado, agora é a vez da versão sedã ser a estrela da Ford em Nova York. O facelift traz a nova grade estilo Aston Martin, faróis mais afilados e para-choque dianteiro e capô redesenhados. Na traseira, a tampa do porta-malas, as lanternas e o para-choque também receberam novas curvas. Na gama de motores consta agora um 1.0 EcoBoost turbo de três cilindros. Em 2015, ele começa a ser feito na Argentina, de onde virá para o mercado brasileiro.

GM Cruze

A reestilização de meia vida do Cruze será uma das novidades da GM. A mudança foi sutil e não segue um suposto facelift flagrado na China. A principal alteração está na dianteira. A grade bipartida assumiu contornos cromados, que foram parar também nos quatro filetes do conjunto e no nicho que incorpora as luzes diurnas. Os desenhos dos faróis, lateral e traseira são os mesmos. O retorque do Cruze americano deve inspirar a versão brasileira, que deve sair ainda neste ano.
<,br />VW Jetta

O sedã, fabricado no México, é o mesmo que vem para o Brasil, portanto a alteração no design chegará logo por aqui a expectativa é neste ano. Segundo a marca, o novo sedã promete consumir menos e contar com mais itens tecnológicos e de segurança. O Jetta 2015 vem com luz diurna em LED e faróis de xenônio. Em solo brasileiro, o carro adotará o motor 1.4 litro TSI, de 140 cv (o mesmo do novo Golf), já convertido para a tecnologia flex, em substituição ao atual 2.0, de 120 cv.