O fim de semana passado, foi de muita velocidade no Autódromo Internacional de Curitiba, com a realização da sexta etapa da Copa Pinhais de Marcas e Pilotos, e da quinta etapa da Stock 5000.

Adriano Reisdorfer venceu a etapa na Marcas “A”, Juca Lisboa/Lorenzo Finardi na Marcas “B”, Marcos Ramos na Marcas Sênior, Marco Antonio Garcia na Stock 5000 “A” e José Agostinelli Neto na Stock 5000 “B”.

O evento tem a promoção e organização sob responsabilidade da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA) e conta com o patrocínio da Pirelli e Bana Pneus.

Trabalharam no evento os seguintes membros da FPrA: Bento Tino (Diretor de Prova); Alexandre Lagana e José Mário (Comissários Desportivos); e João Bucko (Comissário Técnico).

Copa Pinhais

Marcos Ramos.

A largada da primeira corrida da Copa Pinhais de Marcas e Pilotos foi dada às 14h10 do sábado, e disputada em 30 minutos mais duas voltas. A prova teve grandes “pegas” e ultrapassagens espetaculares, onde vários pilotos brigavam pelas primeiras posições durante toda a corrida.

Ao fim de 18 voltas, a vitória na Geral foi de Felipe Tozzo, com o Gol n.º 57. Por categoria, o resultado foi o seguinte: Na Marcas A vitória de Felipe Tozzo (SC), com o tempo de prova de 33min30s026, seguido de Alessandro Marchini (PR), à 3s357, e Adriano Reisdorfer (PR), à 7s020.

Na Marcas B a vitória foi de Amauri Lisboa Jr (PR), com 18 voltas em 33min37s943, tendo Luiz Vargas Jr (SC) em segundo, a 1s603, e Leonardo Fortunato (SC) em terceiro, a 13s736. E na Marcas A Sênior, venceu Luiz Ferreira (PR), com o tempo de 33min38s568 e em segundo Marcos Ramos (PR), a seis voltas.

Juca Lisboa e Lorenzo Finardi.

Na segunda corrida, disputada no domingo em 30 minutos mais duas voltas, a Copa Pinhais de Marcas e Pilotos cujo grid é o resultado da bateria anterior, com os dez primeiros invertidos, o catarinense Thiago Rausisse largou na pole position, seguido de Erick Biscaia, Billy Gabardo, Geovane Ciesieslki, Leonardo Fortunato, Guto Baldo, Lorenzo Finardi, Adriano Reisdorfer, Cláudio Contijo e Alexandre Frankenberger.

Ao fim de 19 voltas, a vitória na Geral foi de Adriano Reisdorfer, com o Gol n.º 34. Por categoria, o resultado foi o seguinte: Na Marcas A vitória de Adriano Reisdorfer (PR), com o tempo de prova de 33min56s982, seguido de James Ramos (SC), à 0s345, e Valmor Emílio (PR) à 2s503.

Na Marcas B Leonardo Fortunato (PR), conquistou a vitória, completando as 19 voltas em 34min13s228, tendo Geovane Ciesielski (PR) em segundo, a 8s371, e Lorenzo Finardi (PR) em terceiro, a 11s593. E na Marcas A Sênior, venceu Marcos Ramos (PR), com o tempo de 34min07s274, e em segundo Guto Baldo (PR), a oito voltas.

Stock 5000

Geovane Ciesielski.

As categorias Stock 5000 “A” e “B” encerraram a tarde de velocidade no AIC, com a primeira corrida tendo grandes disputas na “briga” por melhores posições em vários pontos da pista.

Ao fim de 15 voltas, a vitória na Stock 5000 “A” foi de Marco Antonio Garcia (PR), com tempo de prova de 24min47s244, seguido de Maurício Reuter (SC), a 12s466 e Odair Costa Jr (SC), a 14s086. Na Stock 5000 “B” venceu Richard Heidrich (SC), com tempo de 25min09s129, com Marcos Chueda (PR) em segundo, a 20s295, e José Agostinelli Neto (SC), a 21s719. Marco Antonio Garcia marcou a volta mais rápida da prova, na 6.ª passagem, com o tempo de 1min38s000, à média de 135.735 km/h.

Andrei e Ruslan Carta Filho.

A segunda corrida das categorias Stock 5000 “A” e “B”, foi uma prova de muita velocidade e grandes disputas na “briga” por melhores posições em diversos pontos da pista.

Ao fim de 15 voltas, a vitória na Stock 5000 “A” foi de Marco Antonio Garcia (SC), com tempo de prova de 24min50s644, seguido de Odair Costa Jr (SC), a 7s214, e Anderson Andrade (PR), a 39s696.

Na Stock 5000 “B” venceu José Agostinelli Neto (SC), com tempo de 25min05s678, com Márcio Reuter (SC) em segundo, a 30s904, e Marcos Chueda (PR), a 34s581.

Marco Garcia marcou a volta mais rápida da prova, na 4.ª passagem, com o tempo de 1min37s915, à média de 135.853 km/h. A sétima e próxima etapa está marcada para os dias 22, 23, e 24 de outubro, no Autódromo Internacional de Curitiba (AIC), em Pinhais.