A General Motors lança a linha 2014 da picape Chevrolet S10 e do utilitário esportivo Trailblazer. A principal novidade da S10 é o motor 2.8 diesel turbo, que foi aprimorado para ficar mais forte. Sua potência máxima saltou de 180 cv a 200 cv, se igualando com a sua concorrente Ford Ranger. Já o torque subiu de 48 kgfm p05542”:ara 51 kgfm, o maior entre as picapes do mercado. A picape S10 está com preços entre R$ 61.490 e R$ 135.990. A Trailblazer, por sua vez, é oferecida apenas em duas versões, ambas automáticas e 4×4. Com motor a gasolina custa R$ 136.100, enquanto a diesel, o preço sobe para R$ 162.690.

De acordo com os engenheiros da Chevrolet, entre as modificações para aumentar a potência do motor estão coletor de admissão em plástico, novo sistema de injeção, pistões redesenhados e novo sistema de recirculação de gases (EGR). Para tirar mais proveito do desempenho deste novo motor, a Chevrolet ainda desenvolveu uma nova transmissão manual de seis velocidades. “A idéia desta nova transmissão é buscar maior desempenho, melhor escalonamento de marchas, menor consumo de combustível, baixo ruído e menores níveis de vibração e aspereza”, diz o diretor de Engenharia de Powertrain da General Motors do Brasil, Paulo Riedel.

A Chevrolet acrescentou novos itens de série na picape. O sistema de conectividade MyLink, já usado nos modelos Onix, Prisma, Cobalt e Spin, está disponível a partir da versão intermediária, LT, que parte de R$ 110.990. A LTZ traz a mais leitor de CD e DVD e navegador GPS -na turbodiesel automática há controlador de velocidade em declive e assistente de partida em aclive. A opção com motor 2.4 flex ganhou sensor de estacionamento na traseira e porta-óculos.

Mais equipadas

O Trailblazer passa a oferecer também airbags laterais, câmera de ré e o sensor de estacionamento conectados ao MyLink, caixa organizadora e cobertura articulada no porta-malas para facilitar ainda mais a arrumação da bagagem quando o motorista estiver utilizando o modelo com apenas cinco assentos, ao invés dos sete que ele oferece.

Desempenho

Durante a avaliação da picape, na versão LT, bastava apertar o acelerador para sentir toda a força do novo motor. É que 90% do torque estão disponíveis a partir de 1.700 rpm. A picape, de acordo com os dados da GM, acelera de zero a 100 km/h em 11,4 segundos e alcança a velocidade máxima de 180 km/h. No asfalto, a picape mostra boa dirigibilidade com o câmbio bem escalonado e engates precisos. Já nos trechos off-road, basta acionar a tração por meio de um botão no controle central, que encara com facilidade trechos alagados, buracos e lama. Se quem está na frente não reclama do conforto, os passageiros do banco traseiro não compartilham desta opinião. Durante os testes em estradas de terra disseram que se sentiam desconfortáveis porque a suspensão não estava amenizando o “pula pula” dos buracos.