No último dia 24 de abril, a Ford celebrou 85 anos de história no Brasil com um legado de produtos marcados pelo ineditismo, que ajudaram a formar conceitos e costumes ao longo das décadas. Mais do que qualquer outra montadora aqui instalada, a Ford criou veículos que se transformaram em verdadeiros clássicos pela inovação e ousadia do projeto, desde o Modelo T, primeiro carro montado em território nacional, em 1919, até o EcoSport, nos dias atuais, que inaugurou novo segmento no mercado.

A Ford chega aos 85 anos renovada e com os olhos no futuro, apoiada na mais completa linha de produtos do País. É a única montadora presente em praticamente todos os segmentos importantes: automóveis e picapes compactos, médios e grandes, utilitários esportivos e caminhões de 3 a 43 toneladas.

A linha Ford é formada hoje pelos automóveis Ka, Fiesta Street Hatch e Sedan, Novo Fiesta, Focus e Mondeo, pelas picapes Courier, Ranger e F-250, pelo utilitário esportivo EcoSport 4×2 e 4WD e por duas linhas distintas de caminhões, Série F e Cargo, com 25 modelos e mais de 350 configurações de produção, que garantem a sua atuação em praticamente todas as faixas do mercado.

Crescimento

Nos últimos dois anos a Ford retomou o seu crescimento no mercado brasileiro, principalmente com o lançamento do Novo Fiesta e mais recentemente com o EcoSport, e vem mantendo essa tendência em 2004. Fechou o primeiro trimestre deste ano com 40.380 veículos vendidos e uma participação no mercado de 11,4%, um crescimento de 0,9 ponto percentual em relação ao mesmo período do ano passado. Entre outros destaques, é líder dos segmentos de comerciais leves e de caminhões leves.

“A Ford está indo muito bem em um mercado ruim. Nós estamos trabalhando totalmente voltados para a satisfação de nossos clientes, no médio e longo prazo, porque nossa rede de distribuidores recuperou a auto-estima e porque a marca está rejuvenescida”, diz Antonio Maciel Neto, presidente da Ford Brasil e América do Sul.