A Honda anunciou recall de 165 unidades do CR-V ano/modelo 2002 a 2004. O objetivo da campanha é verificar o funcionamento do interruptor dos faróis, que pode apresentar falha, com risco de acendimento ou apagamento involuntário da luz. A inspeção e possível substituição da peça será feita gratuitamente a partir de 16 de abril na rede de concessionárias da marca.

Informações: www.honda.com.br/recall.do CR

A Nissan, por sua vez, faz o recall de 783 unidades do Pathfinder e da Frontier. Importados da Espanha entre 2006 e 2009, os veículos envolvidos podem apresentar mau funcionamento do chicote do sistema elétrico do banco do motorista. O componente pode não funcionar ou ser acionado de forma involuntária.

Informações: www.nissan.com.br.

Nova Ranger em maio

Embora só chegue no mercado em maio, a Ford já começa a promover ações de pré-lançamento da Ranger. A marca criou o site www.rangerchallenge.com.br para o público sugerir o melhor desafio com o veículo e é uma das patrocinadoras do reality show The ultimate fighter Brasil.

Aditivada

Abastecer com gasolina aditivada o carro provido de injeção eletrônica não causa dano ao tanque de combustível como se ouve falar por aí. Os recipientes são protegidos contra a corrosão. Já para os modelos mais antigos, que ainda utilizam carburador, o recomendável é evitar a gasolina aditivada. O detergente usado como aditivo corrói o tanque, que é de metal sem proteção, além de afetar outros componentes de menor resistência ao detergente, como o conjunto das mangueiras e as membranas do carburador.

Rodas

É recomendável que se conserve as rodas originais do veículo, pois o desenvolvimento dele e os testes aplicados pelo fabricante subentendem que aquele modelo de roda é o mais adequado. Se optar por rodas esportivas (liga leve), escolha produtos de reconhecida qualidade, que não alterem o rendimento e a estabilidade do carro. E tenha cuidado ao dirigir: a roda de liga leve se mostra mais sujeitas às quebras ao chocar-se contra as mais pronunciadas irregularidades do pavimento ou obstáculos laterais. Ao estacionar, evite o contato da roda com o meio fio. Esse toque, além de arranhá-las, pode entortá-las ou danificar a borda, esvaziando o pneu (quando sem câmera).